ongrace.com

> Mensagem de Hoje

10/01/2013 - A GRANDE MÃE

  • Envie por Email
  • Imprimir
Para que mameis e vos farteis dos peitos das suas consolações; para que sugueis e vos deleiteis com o resplendor da sua glória. Isaías 66.11


O Espírito de Deus compara os membros do Corpo de Cristo a crianças de colo, que ainda mamam no seio materno. Aliás, Jesus disse que quem não se tornasse igual a uma criança jamais entraria no Reino dos Céus (Mt 18.3). A Jerusalém mencionada no verso 10 de Isaías 66 é símbolo do Evangelho, nossa Cidade Eterna, onde nada nos falta. Nela, o poder de Deus está à nossa disposição sempre; por isso, não há como não termos a assistência divina sendo partes do Corpo do Senhor.

As consolações do Reino de Deus suprem as nossas necessidades, por isso não há como passarmos fome se estamos em Cristo e cumprimos Sua vontade. No entanto, para isso, temos de fazer como os bebês, que não se envergonham de procurar o seio materno para extrair o que saciará sua fome. Temos de ir ao Senhor quando precisarmos, sem nos importar com o local onde estamos. O bebê mama, suga o que precisa e só para quando está satisfeito.

A bênção do Senhor é muito grande, e Ele quer que nos deleitemos com o resplendor da Sua glória. Você há de concluir que estamos longe da posição que o nosso Deus tem para nós. Na verdade, temos vivido bem distantes do que Ele nos tem destinado. Não temos “sugado” o bastante nem nos regozijado com o brilho da Sua maravilhosa glória. Temos recebido tão somente alguns raios que nos têm alegrado; porém, precisamos de mais.

O Senhor, por intermédio do profeta, manda que nos regozijemos com Jerusalém (v. 10); afinal, o amor de Deus triunfou sobre o mal. Quando Cristo ressuscitou, houve uma festa nos Céus, pois o Inferno não conseguiu manter o Filho de Deus em suas mãos (At 2.23-27,31). A partir de então, seria diferente, pois ninguém mais seria oprimido pelo diabo, desde que colocasse sua fé em Jesus. Em Seu Nome, o mais fraco dos homens poderia repreender o próprio Satanás, que teria de bater em retirada, completamente derrotado.

Devemos alegrar-nos por este tempo em que vivemos, pois a nossa Jerusalém está livre de qualquer envolvimento com o mal. Agora é tempo da festa do poder de Deus em todo lugar onde dois ou três se reúnem em o Nome do Senhor. Em tal reunião, o próprio Jesus Se faz presente, e não há mais operação diabólica que impeça o cego de enxergar, o mudo de falar, o surdo de ouvir, o paralítico de andar e os pobres de ouvirem as Boas-Novas (Mt 18.20).

O choro já passou, a hora de desespero não existe mais. Agora, não importa a situação em que você se encontra, pois, com o poder do Altíssimo, você pode se livrar de todos os ataques do inimigo. Encha-se de alegria e parta para a batalha, sabendo que muitas graças você dará ao Senhor, pois os seios da Jerusalém liberta têm o alimento de que você precisa para derrotar seu opressor.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração