ongrace.com

> Mensagem de Hoje

03/10/2019 - AGINDO COMO PROFETA

  • Envie por Email
  • Imprimir
E disse Abraão a seus moços: Ficai-vos aqui com o jumento, e eu e o moço iremos até ali; e, havendo adorado, tornaremos a vós. Gênesis 22.5


Todo servo de Deus em serviço pode ser usado como profeta. Ao nos dar uma missão, o Senhor nos prepara para sermos instrumentos dEle de modo fenomenal – ora com visão de profeta, ora com autoridade de rei. Em algumas ocasiões, somos servos obedientes, cumprindo Suas ordenanças, mesmo quando não compreendemos ao certo Seus propósitos. O Todo-Poderoso faz tudo em nosso benefício e em prol da Sua obra; logo, não dar ouvidos a Ele é um erro.

Embora estivesse distante do local designado por Deus, Abraão não teve dúvidas. Ao agirmos sob a unção divina, o Senhor sempre nos revela tudo a respeito da obra a ser executada. Precisamos obedecer a Ele para não perdemos tempo nem as oportunidades que surgirem. Quem O segue jamais tropeça em alguma pedra no caminho.

Quando o lugar é mostrado, ou a obra a ser realizada é confirmada ao coração de quem tem a incumbência de cumpri-la, ele deve seguir sozinho. Os que o acompanham devem ficar longe, a fim de não atrapalhar o agir de Deus. Jesus procedeu de maneira semelhante, ao pedir aos Seus discípulos que se distanciassem da casa de Jairo, onde o Senhor ressuscitou a filha daquele homem. O Mestre levou Consigo apenas quem estava preparado para testemunhar o milagre (Lc 8.41,42; 49-56).

As testemunhas de tal acontecimento veriam de longe o que ocorreria naquele lugar. De outra sorte, poderiam impedir que os passos corretos fossem tomados. O animal usado para carregar a lenha também ficou longe. Se Abraão não a tivesse levado  da sua casa, os jovens teriam se oferecido para prepará-la e, assim, atrapalhariam de algum modo a obra divina.

Certamente, os moços não questionaram o patrão, pois ouviram, em alto e bom som, o que ele faria. Então, Abraão chamou o filho de moço e avisou-lhe que iria com ele, a fim de adorar naquele monte. A profecia é completa e correta, não dando margem a especulações maldosas. Quem recebe uma palavra de Deus mostra estar maduro o suficiente para ordenar e ser obedecido. O plano divino seria revelado lá!

Para Abraão, aquela viagem tinha um propósito – adorar o Altíssimo –, e ele sabia como agir. Aquela foi a única vez que o Senhor testou alguém assim. Meu conselho é: se você ouvir um pedido similar a essa provação, repreenda logo essa voz. Abraão estava sendo testado se entregaria ou não seu filho a Deus. Ora, isso simboliza o que, um dia, o Pai fez: não negou Seu Filho de vir ao mundo, a fim de morrer por nós e nos dar a salvação.

O patriarca disse que, havendo adorado, voltariam ao mesmo lugar onde os servos estavam, e estes não o questionaram nem ficaram desesperados por verem Isaque amarrado e colocado sobre a lenha. Eles confiaram no seu senhor. Ao voltarem, devem ter confessado que o Senhor proveu o cordeiro. Aleluia!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Deus que nos guia! Não é fácil para quem vive na carne se deixar guiar pelo Teu Espírito em momentos de provação. Somente quem Te serve em espírito há de entender como proceder nessas situações. Tu és fantástico até nisso!

Por que o altar deveria ser erigido em Moriá, se o mais importante era a fé? Não podemos Te questionar, pois és Onisciente. Tudo o que acontece no mundo hoje não é novidade para Ti, e nada Te pega de surpresa. 

Devemos confiar em Ti, em face de todas as coisas, pois os Teus planos e a Tua vontade são bem maiores do que o nosso raciocínio. Tu és tremendo e maravilhoso, por isso temos de Te louvar e crer na Tua Palavra. Amém!

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

missionario a paz do senhor é contigo, sonhei que estava em um lugar onde uma mulher vestida de policia militar ia segurando um raoaz o qual estava possuido pelo demonio , que...

A Bíblia diz claramente que Deus não é de confusão, mas de paz (1Co 14.33). Se você foi batizada com o Espírito Santo, certamente isso aconteceu quando você estava...

»VEJA MAIS