ongrace.com

> Mensagem de Hoje

22/06/2015 - ATO INACREDITÁVEL

  • Envie por Email
  • Imprimir
Àquele que não conheceu pecado, o fez pecado por nós; para que, nele, fôssemos feitos justiça de Deus. 2 Coríntios 5.21


O amor de Deus pelo homem O fez agir de um modo inacreditável, mas necessário, para sermos salvos e religados a Ele. A verdade é que somente, no Céu, teremos conhecimento completo de quão perdidos estávamos e do que significa a grande salvação providenciada para nós. Ela não somente nos livrou do sofrimento eterno, mas também nos fez participantes da Sua plenitude do Senhor em amor, capacidade e poder.

Deus jamais conheceu o pecado; porém, a fim de nos salvar e nos fazer servos à altura de cumprirmos Seu eterno propósito, Ele fez Jesus Se tornar pecado por nós. Foi um ato que não conseguiremos entender enquanto estivermos nesta vida. No entanto, Ele não podia simplesmente nos ignorar e nos deixar na perdição, pois a nossa participação na desobediência foi zero, a não ser no castigo que ela trouxe a toda a humanidade.

O apóstolo Paulo chamou de loucura de Deus o plano da salvação, pois o Altíssimo foi ao máximo para redimir quem já estava afastado dEle. O processo foi complexo e bem doloroso, porque o preço pago pelo Seu Filho foi além do que podemos pensar. Ele não fez isso somente para sermos salvos, o que já seria de bom tamanho, mas para nos tornar ministros do Novo Testamento. Grandes coisas o Senhor fez por nós!

O Senhor usou Paulo para dizer que o Seu propósito era fazer-nos a Sua justiça em Jesus. Portanto, jamais permita que o inimigo o engane com suas mentiras, dizendo que você não tem o valor que as Escrituras lhe dão, pois esse ato extremo de Deus prova que somos valorosos para Ele. Ninguém pagaria 1 milhão de reais por uma penca de bananas, mas por uma boa casa sim. Nós temos um grande valor para o Senhor.

Agora, que somos a justiça de Deus em Cristo, quando orarmos pedindo uma bênção ou repreendemos o inimigo em o Nome de Jesus, o poder divino entrará em ação e realizará a obra. No entanto, como temos sido maus! Mesmo sabendo do poder de fazer o bem existente em nós, não pregamos a Verdade aos sofredores; nós os abraçamos muitas vezes, demonstrando amor, mas não os libertamos.

Não deixe ninguém diminuir você em relação às suas determinações sobre aquilo que a Palavra o autorizou a fazer. Você pode e deve ser a bênção que Deus o fez ser para o próximo. Jesus disse que aquilo que queremos que os outros nos façam devemos fazer também a eles. Se os salvos assumissem a autoridade que receberam do Senhor e libertassem os sofredores, fariam um grande bem a todos.

Nas batalhas de oração, porte-se como Moisés se portou diante de Faraó, pois conhecia o seu lugar de servo do Altíssimo. Aja como Davi e tantos outros que souberam obedecer à missão recebida. Então, ao servir ao Senhor, você verá o quanto é querido por Ele. Não se deixe vencer pelo mal, pois você é a justiça de Deus em Cristo.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Autor da justiça! Quem poderia supor que os condenados ao suplício eterno pudessem ser completamente salvos e se tornar a Tua justiça em Cristo? Agora, podemos Te servir e não nos submeter à vontade do inimigo.

Obrigado por teres encontrado o meio de nos redimir. Apesar de o preço ter sido alto, Jesus não Se importou com o custo, e sim com a nossa felicidade eterna. Só Tu poderias ter feito isso! Somos gratos por tudo o que fizeste.

Usa-nos para que possamos conduzir os perdidos ao Céu. Então, sendo a Tua justiça em Jesus, daremos a eles a felicidade que também nos alcançou. A glória, a honra e o louvor são Teus!

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

Missionário tenho uma dúvida: Eu, e minha esposa, estavamos lendo a Palavra de Deus e ficamos em dúvida sobre o assunto do véu na igreja porque nos dias de hoje tem...

Se você observar bem, verá que só em Corinto surgiu essa questão do véu. É que naquela cidade estava o templo de Afrodite, a deusa grega do amor. Todas as tardes, as...

»VEJA MAIS