ongrace.com

> Mensagem de Hoje

25/07/2016 - CORAÇÕES NÃO PREPARADOS

  • Envie por Email
  • Imprimir
Contudo, os altos se não tiraram, porque o povo não tinha ainda preparado o coração para com o Deus de seus pais.     2 Crônicas 20.33


Testemunhar Deus operando maravilhas em nossos dias é como viver há mais de dois mil anos, quando Jesus curava os enfermos dos males que os afligiam. Como membros do Corpo de Cristo, temos a obrigação de realizar as mesmas obras que Ele realizava (Jo 14.12) e, assim, incentivar as pessoas a buscar o dom celestial. Os dias do ministério do Salvador não mudaram, embora muitas coisas tenham mudado. Acredite: Ele pode e quer transformar a sua vida, por isso faça a vontade dEle.

Se não ensinarmos ao povo a Verdade, tão logo viremos as costas para anunciá-la em outras partes, lobos devoradores surgirão no meio dos salvos a fim de os destruírem. No entanto, quando a pessoa aprende do Salvador e vê as operações milagrosas dEle, age como um leão ante um adversário e não se submete às investidas do inimigo. O mundo precisa que os salvos ajam como vencedores.

O rei Josafá teve momentos abençoados por ter tido fé no Criador, mas não se preocupou em ensinar seu povo a servir ao Senhor e, com isso, amargou essa repreensão de Deus. Que vergonha será para nós se, um dia, o Altíssimo enviar algum dos Seus servos para nos dizer que não temos cumprido Seus desígnios! Temos a Bíblia, a qual nos instrui a servir a Deus com alegria (Sl 100.2) e fidelidade, fazendo as mesmas obras realizadas por Ele.

A preparação do coração para o Senhor é feita com paciência e muitas batalhas espirituais. Precisamos ensinar ao povo como vencê-las, para a glória de Deus. Quando nossos irmãos aprendem a agir como Jesus, uma explosão de poder ocorre em todos os lugares por onde passam. Diante disso, de uma hora para outra, testemunhamos a mão divina operar como ocorria nos dias de Cristo na Terra. É importante saber que somos os responsáveis pelo levantar ou cair de muitos.

Enquanto não tirarmos a doutrina dos demônios do coração das pessoas, tristemente as veremos adorar o inimigo e, com isso, sofrer as mais diversas obras com que esses mesmos espíritos malignos as farão padecer. Contudo, Deus não Se deixa escarnecer (Gl 6.7); por isso, se não fizermos o que Ele nos ordenou, enfrentaremos problemas. Aqueles que só pensam em si e não se consagram para ter sucesso na fé pagarão um preço alto.

Josafá poderia ter vivido de modo vitorioso e sem repreensão, se tivesse crido no próprio conselho que deu ao povo, ao enfrentarem a confederação de Amom, Moabe e os da montanha de Seir. Ele os admoestou a crer no Altíssimo, pois, dessa maneira, ficariam seguros; entretanto, mais tarde, livre daqueles inimigos que queriam varrer Judá do mapa, esse rei nem pensou em buscar o Senhor e crer nEle.

Fique sempre atento para observar se o seu povo tem crido em Deus. Ao constatar que alguns não O temem como as Escrituras declaram ser necessário fazer, reforce o ensinamento, pois, quanto mais forem tementes ao Pai celeste, viverão melhor. Quando o povo afrouxa no amor a Deus, ele se vê apertado pelo diabo. É preciso ensinar com palavras e atos como devemos amar o Senhor.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Senhor! Se Judá tivesse preparado o coração para andar Contigo, teria obtido mais da Tua presença. Do mesmo modo, precisamos ter o coração iluminado com a Verdade, para não darmos ao inimigo espaço em nós.

Os habitantes de Judá conviveram com pessoas que iam ao cume dos montes para adorar os espíritos que se diziam deuses. Além de não ajudarem em nada, causavam todo o tipo de sofrimento para o povo.

O mesmo tem acontecido nas famílias onde o Evangelho é relegado a segundo plano, e o diabo as tem oprimido. No entanto, isso pode acabar; basta ensinar-lhes a Verdade. De outro modo, fracassaremos. Amém!

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração