ongrace.com

> Mensagem de Hoje

14/06/2018 - DISCÍPULOS ENVIADOS ADIANTE DE JESUS

  • Envie por Email
  • Imprimir
E logo obrigou os seus discípulos a subir para o barco, e passar adiante, para o outro lado, a Betsaida, enquanto ele despedia a multidão.    Marcos 6.45


Aquele dia entraria para a História, quando o Mestre pegou cinco pães e dois peixinhos e os multiplicou de tal modo que cinco mil homens, além de mulheres e crianças, comeram deles à vontade. De sobra, o garoto deve ter recebido multiplicado o que entregara ao Senhor – como, aliás, acontece com tudo o que devolvemos a Deus –, levando para casa 12 cestos dos pedaços abençoados, partidos pelo próprio Jesus.

Um fato inusitado aconteceu no final daquela reunião abençoada, quando Cristo ordenou aos discípulos que entrassem no barco e passassem adiante dEle para o outro lado do mar da Galileia. Por que Ele fez isso? Por que eles não podiam esperar por Jesus, se também poderiam ser úteis a Ele? Há decisões de Deus que só entenderemos nos Céus, porém todas têm a direção dEle. 

Quando o Senhor lhe der uma ordem, embora você não entenda nem saiba como cumpri-la, obedeça, pois Ele lhe dá as condições para isso. Jesus ficou naquele lugar até a última pessoa partir e, certamente, teve de abençoar muitos que precisavam de cura ou libertação. O nosso Deus nos surpreende ao nos revelar nosso potencial nEle.

Pelo que diz a Palavra, deve ter havido uma pequena recusa dos discípulos em subirem no barco, porque o texto diz que o Mestre os obrigou. Por vezes, conosco também há pequenas (e não poucas) confusões, pois os obreiros querem ficar ao nosso lado o tempo todo. Se os mandarmos ir para casa, muitos dirão que só sairão quando não estivemos mais ali. Alguns chegam a nos acompanhar até a portaria do hotel onde nos hospedamos.

A preocupação de diversos obreiros com a nossa segurança nos surpreende; esses amados irmãos imaginam que a presença deles ao nosso lado serve de proteção, o que, em alguns casos, é verdade. No entanto, o Filho de Deus não precisava que alguém O guardasse. Cristo é Quem guarda todos os que têm fé nEle. Depois, Ele queria passar um bom período na presença do Pai em oração. Ele sempre sabe o que diz e o que pretende fazer!

Haveria surpresa no mar, porque, de repente, levantou-se um forte vento contrário, o qual impedia os navegantes de avançar rumo a Betsaida. A viagem foi longa, pois o Salvador deve ter orado por quase nove horas. Deus sabia que aquele vento sopraria no mar da Galileia, incomodando os viajantes. Aquilo, porém, era a prova de que eles haviam aprendido as lições que Jesus lhes ministrara.

O ensinamento profundo ficou para nós, pois, frequentemente, triunfamos na obra. Entretanto, ocorrem problemas inéditos conosco ou com os obreiros, e não sabemos a quem apelar. Claro que devemos pedir ajuda a Quem nos direcionou a fazer a Sua vontade. Prontamente, Ele virá nos ajudar.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Nosso Deus! Por que temos de passar por alguns contratempos, se nada do inimigo pode chegar à nossa tenda? Queremos que, nesses momentos, a Tua presença esteja conosco. Não podemos fracassar nem Te desobedecer!

Jesus! Que lição nos deste, quando ficaste só para despedir a multidão! Tudo o que fazes é um ensinamento de primeira grandeza. Desse modo, sabemos como agir em favor das pessoas. Que possamos seguir o Teu exemplo e amor!

O vento contrário não os deixava chegar do outro lado. Eles perderam horas remando, e não avançavam. Com o tempo, deviam estar cansados, exaustos, mas, quando Jesus subiu no barco, eles avançaram, pois a ventania parara. Aleluia!

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

Bom dia RR. Soares, Meu nome é Anderson. moro em Bonsucesso e queria fazer uma pergunta??? Na nossa rádio começou um concurso Gospel eu queria saber como faço pra...

Todas as informações a respeito dos concursos promovidos ná rádio estão no portal. Você deve clicar no link da rádio correspondente e obter a informação...

»VEJA MAIS