ongrace.com

> Mensagem de Hoje

12/02/2016 - ENOJADO DA VIDA

  • Envie por Email
  • Imprimir
A minha alma tem tédio de minha vida; darei livre curso à minha queixa, falarei na amargura da minha alma.   Jó 10.1


Um simples descuido levou Jó à penúria. Ele perdeu os bens materiais, os filhos, a saúde e, por pouco, não ficou sem a salvação. Examinemos o que aconteceu a esse patriarca para que, se formos atacados por alguma força do mal, saibamos em que momento e como nos descuidamos; assim, nenhuma maldição se cumprirá em nós. Pode ser que essa tormenta não tenha surgido por causa de uma ofensa que fizemos a alguém, mas, sim, por termos deixado que pensamentos errados nos contaminassem.

Não sabendo o motivo de estar nas mãos do inimigo, Jó achava que Deus o castigava sem motivos, chegando a culpá-Lo pelo infortúnio experimentado. Sendo o Altíssimo bom e sábio, Ele deseja nos livrar dos pecados, pois, hoje, Ele é nosso Advogado, que luta para que nos acertemos com Ele antes da nossa partida. Não tenha medo de se abrir com Deus, contando a verdade e reconhecendo o próprio erro.

Provavelmente, nenhum outro ser humano sofreu tanto quanto Jó. Embora não soubesse a explicação para aqueles reveses, ele lutou para que aquilo fosse tirado da sua vida, contendendo com todas as suas forças para sair daquela opressão. Ora, se você está sob algum ataque maligno, não economize nem desperdice as revelações da Palavra, pois, com elas, você aprende a causa de tal prova e, então, entende como se libertar dela por completo. Deus o ama!

Em sua declaração, Jó falou de três coisas. Como não sabia que o problema estava nele, pensava que o Senhor o punia injustamente. Muitas vezes, agimos de modo semelhante, pois falamos sem pensar e ainda responsabilizamos o Pai pelo que sofremos; sequer oramos para descobrir o verdadeiro motivo de tal adversidade ter se abatido sobre nós. É importante perguntar a razão do que nos ocorre e como escapar dessa situação.

Jó afirmou que sua alma estava tediosa com sua vida. Esse tipo de atitude nos separa de Deus. Só sirva a Ele com alegria (Sl 100.2) e, ainda que tudo esteja caindo aos pedaços ao seu redor, não deixe a sua alma ficar enojada da sua existência. Em qualquer situação, jamais permita que o diabo se apodere do que você possui de mais precioso: a sua fé em Cristo.

Jó decidiu dar livre curso à sua queixa. Era como se dissesse que seria como um barquinho levado pela correnteza para ver aonde chegaria. Meça suas palavras mesmo durante a oração, pois você pode falar o que não deve e arruinar-se eternamente. Peça a Deus que ponha um anjo na porta da sua boca, a fim de que você não pronuncie nada que o coloque nas mãos do diabo (Sl 141.3).

Por fim, o patriarca declarou que falaria na amargura de sua alma. Você jamais deve fazer isso, pois é pela sua palavra que será condenado ou justificado (Mt 12.37). Você só deve falar sobre a alegria que o Espírito Santo lhe concede e também de acordo com o que está escrito. Portanto, enalteça o Todo-Poderoso e não murmure nem durante a oração. 

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Ó Deus! Como Jó, nem sempre nos damos conta de que uma atitude errada nos leva a sofrer os ataques do inimigo. Ele não entendia que o medo o levou a realmente perder tudo e passar por grande aflição.

Com isso, a alma dele ficou enojada com a própria vida e não conseguia se ligar em Ti para obter respostas. Mas, ao fazer um exame introspectivo, ele viu o erro e se emendou.

A nossa vida não pode seguir como um barquinho desgovernado na correnteza. Devemos assumir o comando da nossa história e dar fim ao sofrimento. Que a Tua mão nos guie para vivermos perto de Ti, pois Tu és o nosso Deus.

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

Missionário, a Paz do Senhor esteja com o senhor! Eu gostaria de tirar uma dúvida que tenho há um tempo. Sou obreiro na IIGD aqui na minha cidade, mas não tenho certeza do...

Será que esse sentimento negativo todo não é o desejo de se ver livre da obra para não se sentir mal quando pecar? Nem todos que são evangelistas serão pastores, pois a...

»VEJA MAIS