ongrace.com

> Mensagem de Hoje

10/03/2015 - JUIZ DE SI MESMO

  • Envie por Email
  • Imprimir
Porque por tuas palavras serás justificado e por tuas palavras serás condenado. Mateus 12.37


Quem quiser viver bem sem ser molestado por mal algum durante a sua caminhada na Terra e, no Juízo, não ter de dar contas de coisas erradas que falou ou fez deve ter cuidado com o que profere. Na verdade, do que há em abundância no coração, disso fala a boca (Mt 12.34b). Por isso, temos de colocar sempre boa “matéria-prima” em nosso interior, para que a “produção” seja sempre de primeira. Não podemos transgredir nunca.

A revelação de Jesus a respeito das palavras é fundamental, pois elas farão com que sejamos abençoados ou amaldiçoados. Ela é importante pelo fato de podermos evitar a condenação e, ao mesmo tempo, atrair para nós boas coisas. Isso funciona em todas as áreas da vida. Por isso, jamais use os seus lábios para condenar alguém ou mesmo amaldiçoá-lo, para que você também não seja condenado.

Dominar o que sai da nossa boca deve ser um exercício contínuo; assim, evitamos falar o contrário do que Deus tem dito. Dessa forma, não damos ao inimigo a possibilidade de nos atacar. Quem não deseja ser preso por nenhuma obra maligna deve dizer somente o que é produtivo e saudável. Jamais pronuncie palavras torpes, a menos que queira enfrentar problemas sérios.

O que temos é o resultado do que falamos há algum tempo e, sem dúvida, o que dissermos hoje é o que viveremos em um futuro próximo. Se isso é desse modo, somos os únicos responsáveis pelo que nos sucede. Acostume-se a agir de acordo com as Escrituras e, então, verá que Deus Se tornou seu Amigo. No entanto, se falar o contrário do que está escrito, constatará que deu ao diabo o senhorio sobre sua vida.

O Senhor conhece bem o poder das palavras. Foi com elas que Ele criou todas as coisas do nada (Gn 1.3), e, por sermos Sua imagem e semelhança, poderemos também criar coisas boas ou más, dependendo do que falarmos (Tg 3.8-10). Todas as pessoas deveriam conhecer a Verdade. Só assim, viveriam libertas do poder do inimigo. Não há como alguém ficar livre das opressões demoníacas se desrespeitar o Criador com a sua boca.

Davi aprendeu a usar a língua como a pena de um destro escritor (Sl 45.1). Assim, ele pôde vencer seus inimigos. Ele conquistou vitórias para si e seu povo pela confissão que fazia diante das investidas do maligno. Por isso, jamais se submeteu a qualquer forma de opressão; inclusive, quando pecou, ele usou suas palavras para confessar o erro e conseguir o perdão divino. Faça isso e obterá o mesmo resultado.

As palavras devem ser usadas para expressar a Verdade, enaltecer o Altíssimo e trilhar os caminhos que a Bíblia nos mostra. Então, em um abrir e fechar de olhos, você será vencedor. Por isso, jamais empreste o seu coração para a mágoa, o ódio ou qualquer outro pecado, pois a sua boca falará do que houver em seu interior.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Senhor, nosso Exemplo! Sendo feitos à Tua imagem e semelhança, podemos fazer como fizeste e nos ensinaste. Por isso, precisamos conhecer o Teu Livro, para não agirmos fora da Verdade.

Agora, aprendemos a ser justificados ou condenados. Como nunca desejaremos a condenação, temos de controlar o que sai da nossa boca, para não nos enredarmos com isso. Senhor, ajuda-nos!

Confessamos a causa de diversos males que nos atacam e, por isso, pedimos o Teu perdão. Além disso, dá-nos força e sabedoria para não transgredirmos, pois desejamos viver de modo íntegro e justo, falando o que convém à sã doutrina.

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

MISTÉRIO: QUASE SEMPRE QUE CONVERSSO COM ALGUMA PESSOA, FALANDO DE JESUS ME PERGUNTAM SE EU JÁ SOU PASTOR, E SEMPRE SÃO PESSOAS QUE NEM CONHEÇO; ISSO PODE SER UM CHAMADO?...

A chamada para o pastorado não vem desse modo, mas de uma forma que não deixa nenhuma dúvida no coração da pessoa. É natural que lhe perguntem se vc é pastor quando fala...

»VEJA MAIS