ongrace.com

> Mensagem de Hoje

27/07/2019 - O FILHO DO OFICIAL DO REI ESTAVA À MORTE

  • Envie por Email
  • Imprimir
Segunda vez foi Jesus a Caná da Galileia, onde da água fizera vinho. E havia ali um oficial do rei, cujo filho estava enfermo em Cafarnaum. João 4.46


Por onde passava, Jesus dava atenção às pessoas. Por isso, ao saberem da possibilidade de se aproximar dEle, os doentes, ou os que tinham enfermos em casa, iam até o Mestre para que Ele os tocasse. Indo ao encontro de Cristo, eles eram atendidos. Da mesma maneira, hoje, se formos a Jesus com fé, não seremos confundidos, pois Ele é o mesmo hoje, ontem e o será para sempre (Hb 13.8). Quem crer nEle jamais ficará decepcionado.

Jesus foi a Caná da Galileia sob a orientação do Pai. Quem se deixa guiar pelo Espírito, ao partir para alguma localidade, deve crer que dará solução aos problemas existentes ali. Como servo do Onipotente, esteja preparado para ministrar a Palavra aos necessitados. Afinal, somos ordenados a realizar a obra tal qual o Filho de Deus fazia. Não há diminuição de poder no Evangelho!

Essa era a segunda vez que uma boa obra seria feita naquele lugar. A presença do Salvador daria um basta às dificuldades dos aflitos que estavam ali em busca de ajuda. Eis a vontade de Deus: levarmos a Sua Palavra onde estão os oprimidos e, com ela, o Seu poder libertador. Onde Cristo Se encontrava, o poder divino curava, libertava e operava outras maravilhas. Quem crê age igual ao Senhor!

Aquele que transformou a água em vinho da melhor qualidade também tem poder para fazer da água o melhor medicamento jamais produzido pelo homem. Mas, na maioria das vezes, Jesus usava outros métodos para agir. Ele é Senhor cujo poder realiza o que for preciso. Então, não devemos “limitá-Lo”, pois só Ele conhece os meios que nos trarão paz e um desfecho vitorioso para as nossas adversidades. 

Naquela ocasião, surgiu logo uma grande oportunidade de Jesus usar o poder recebido do Pai celestial. Chegando a Caná, um oficial do rei, cujo filho estava morrendo em Cafarnaum, dirigiu-se ao Mestre e pediu-Lhe socorro. Quem acha o Senhor é atendido no mesmo instante. Portanto, jamais perca a chance de estar onde Cristo opera, que é em todos os cultos na igreja.

Talvez o oficial do rei estivesse em Caná a serviço, ou, quem sabe, Deus o movera até lá porque o Mestre passaria pela cidade. O motivo de sua estada ali não importava, e sim o que Jesus fez pelo filho dele. Do mesmo modo, onde você estiver, ao tomar conhecimento de uma reunião de poder, vá com fé. Sem dúvida, se o Senhor enviou algum dos Seus para estar ali, atenderá as orações feitas a Ele!

A distância daquele oficial para seu filho poderia não ser tão grande hoje, mas, para quem viajava a pé ou no lombo de algum animal, levaria algumas horas ou dias. Porém, o problema do filho era maior do que a capacidade de ele ser curado pelo homem. Não importa o problema, mas, sim, a fé usada para orar, pedir e crer na resposta. Deus nunca o despedirá de mãos vazias.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Deus! Tu tens o poder para operar em nós aquilo de que precisamos. Por isso, diante de Ti, suplicamos pelo Teu auxílio e Te agradecemos pelos Teus maravilhosos feitos em nosso favor. Temos a certeza da resposta!

Em Caná da Galileia, Teu Filho provou ter prazer em dar fim às nossas mazelas. Chegamos com confiança de que seremos atendidos. As Tuas habilidades continuam as mesmas, pois nada em Ti diminuiu!

Em qualquer lugar aonde fores, encontrarás pessoas com os mais diversos males. No entanto, com a autoridade que possuis, todos podem ser libertos se crerem em Tua Palavra. Tu és maravilhoso e bom! Amém!

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

missionario a dois anos tenho tido sonhos que me confunde sempre com bolas de fogo no céu ventos muito forte e a um mês novamente com uma grande tempestade passando sob a...

A Bíblia ensina claramente que o Senhor fala-nos hoje por meio da Palavra encarnada, Seu Filho (Hb 1 e Jo 1). Se e quando Ele usa sonhos, certamente dará à pessoa que sonhou...

»VEJA MAIS