ongrace.com

> Missionário Responde

22/02/2006 - Casamento - Família

Acho que não amo mais meu marido. Isso aconteceu por ele ser muito grosseiro comigo, gostar de me humilhar perante os outros e até já ter me agredido. No início sempre o perdoei, mas hoje em dia o ignoro, ele não me incomoda mais como antes, o trato com desprezo. Isso é coisa do mal em minha vida ou é tudo consequência do que ele fez? Seria natural que meu amor por ele acabasse depois de tudo o que ele tem feito comigo, não? Não tenho mais ânimo para segurar esse casamento. Estaria pecando em querer me separar?

Resposta:
Certamente que sim. Se você teme a Deus, tem de viver segundo Sua Palavra. NEla, aprendemos que o amor não é meramente um sentimento, mas um mandamento. Em Efésios 5.25ss está dito que o esposo tem de amar a esposa. Em Tito 2.1-4, o Espírito Santo mostra que a mulher tem de amar seu marido. Claro que compreendo que seu esposo cooperou para seu esfriamento, mas isso não lhe dá o direito, biblicamente falando, de separar-se. Ao contrário, você deve lutar com as armas da fé e da sabedoria para restaurar seu lar, pois do contrário será considerada tola diante do Senhor (Pv 14.1). Seu esposo pode não ter um jeito bom, mas como você não viu isso antes de se casar? Será que não viu mesmo, ou achou que não tinha importância e que depois do casamento você dava um jeitinho nele? Infelizmente, a imensa maioria das mulheres crêem que podem e que vão mudar o noivo depois do casamento. Aí, casam-se minimizando os desvios de caráter que o "amado" tem. Nesses casos, sempre acontece de descobrirem tarde demais que terão de arcar com as conseqüências de sua falta de sabedoria (Gl 6.7). Não entregue os pontos, lute por seu lar, buscando a Deus com sinceridade e tirando do coração toda possibilidade de vir a se interessar por outro homem. Medite em Provérbios 3 e obedeça à Palavra, que as coisas vão mudar para o melhor.


PERGUNTAS RECENTES

> Pedido de oração

Pedido de oração