26/03/2020 - CONSULTE SOMENTE O FILHO AMADO

Porém os homens de Davi lhe disseram: Eis que tememos aqui em Judá, quanto mais indo a Queila contra os esquadrões dos filisteus.

1 Samuel 23.3

O Pai nos orientou algumas vezes a ouvirmos Seu Filho amado, mas quase nunca fazemos isso. Jamais podemos escolher outras pessoas como nossas conselheiras. A pessoa erra ao desprezar o Criador de todas as coisas, pois Ele tem presciência – a capacidade de conhecer o futuro – e já Se colocou à disposição para nos ensinar a agir em todas as coisas. Em Sua onisciência, o Senhor nos ama com um incondicional e puro amor. Ele é nosso Pai!

Os homens que acompanhavam Davi o ajudavam bastante, seguindo o que ele lhes ordenava. Porém, quando passaram a questionar as decisões dele, tornaram-se um grande problema para todos. Aquela reclamação era como o início de uma ferida que ocasionaria muitas dores. Ali, estava sendo aberto um canal para o inimigo atrapalhá-los. Davi teve de lidar com aquela situação imediatamente, antes que surgisse um espírito de desobediência.

Ouvir qualquer pessoa, sem antes procurar saber a vontade de Deus, é laço do maligno. Muitas vezes, até servos usados pelo Senhor se influenciam pelos conselhos humanos e comprometem os recursos da obra, que lhes foi confiada para milhões de pessoas serem salvas, como já vimos ocorrer em tempos de calamidades. Sem querer, eles cederam ao diabo, o qual os impediu de continuar a fazer a tarefa dada por Deus.

Nem mesmo um ministro do Evangelho bem-sucedido em sua missão deve ser consultado, a menos que essa orientação parta do Senhor. Ainda que você esteja totalmente certo de que tal pessoa pode ajudá-lo, não despreze Aquele que é Deus com o Pai. Ouvir o Filho – a Palavra de Deus – é certeza completa de vitória. Lembre-se de que o Filho é o Deus Onipotente nos Céus e na Terra. Sem Ele, nada podemos fazer (Jo 15.5).

Pelo aspecto humano, o raciocínio dos homens de Davi era correto, mas, como veio deles, para nada prestava (Jo 6.63). Quem atende à carne (ao homem), sem dúvida, há de passar por muitas tribulações. Somente o que o Senhor fala em Sua Palavra serve aos Seus filhos, bem como aos que ainda não decidiram a quem servir. É triste dizer isso, mas há pessoas que não veem problema em continuar sob o poder do diabo. Misericórdia!

Fica claro que não podemos ouvir ninguém sem antes ter a resposta de Deus. Se temos feito isso, precisamos desprezar tais conselhos: Este povo maligno, que se recusa a ouvir as minhas palavras, que caminha segundo o propósito do seu coração e anda após deuses alheios, para servi-los e inclinar-se diante deles, será tal como este cinto, que para nada presta (Jr 13.10). Nada melhor do que sempre ter como base as Escrituras!

Não tenha medo do que você terá de enfrentar. Com instruções prudentes, vindas do Senhor, você fará a guerra. A nossa dependência do Alto deve ser completa, porém não temos de buscá-Lo somente quando surgirem problemas. Vale a pena manter comunhão com o Pai celestial. Debaixo das asas dEle, você habitará em paz e bem protegido.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares