03/04/2013 - CUIDADO COM O MAU TEMPO

Que também o homem não conhece o seu tempo; como os peixes que se pescam com a rede maligna e como os passarinhos que se prendem com o laço, assim se enlaçam também os filhos dos homens no mau tempo, quando cai de repente sobre eles.

Eclesiastes 9.12

O homem não consegue entender, por si só, o que Deus ou o diabo tem preparado para ele. Do Senhor só vêm boas dádivas; por isso, perde muito a pessoa que não anda em comunhão com Ele. Já o diabo só prepara coisas ruins, e quem não está caminhando com o Altíssimo não compreende o que o aguarda e o que está por trás de uma tentação que lhe surge. Por essa razão, precisamos da graça divina.

Se os peixes entendessem o que uma rede faz no rio ou no mar, iriam evitá-la.

Ora, o mesmo aconteceria com os que se julgaram especiais e caíram na tentação da paixão proibida, ou puseram a mão em objetos do seu próximo e, agora, passam por sofrimento. Muitas pessoas afirmam que, se pudessem voltar atrás, jamais fariam o que fizeram. Sem dúvida, foi falta de temor a Deus.

As revelações divinas servem para serem assumidas. Quem despreza o que o Altíssimo lhe revela pode ser comparado a alguém que não tem juízo, pois rejeita o conselho de Quem sabe tudo e o ama de verdade. Não são poucos os que resistem em aceitar as direções do Senhor e, mais tarde, chegam à conclusão de que não foi boa a sua decisão. Cuidado! O inimigo quer roubar você da felicidade eterna.

A rede maligna está sempre sendo armada. Após uma grande bênção, pode vir uma gigantesca queda, pois o inimigo não deixa de andar ao nosso derredor para nos tragar (1 Pe 5.8). Por isso, em qualquer situação, é melhor vigiar e orar, para, então, festejar o que receber de Deus. Caso contrário, os que caírem na armadilha de Satanás terão de ser muito fortes para se levantar da queda e voltar a ter comunhão com o Senhor.

Como passarinheiro do mal, o diabo arma laços para nos prender nas atividades normais da vida. Ele não nos quer ver cantando de alegria, mas, sim, tristes na sua gaiola. Logo, se existe algo de que devemos cuidar é da nossa posição em Cristo, porque, mesmo fazendo parte do Reino de Deus, muitas vezes, esquecemos que também estamos no mundo, onde o maligno atua para cumprir seus sujos propósitos.

Portanto, o melhor é não andar segundo o conselho dos ímpios, não se deter no caminho dos pecadores, nem se assentar na roda dos escarnecedores, mas ter o seu prazer na Lei do Senhor e nela meditar de dia e de noite (Sl 1.1,2). A “mulher adúltera” anda à caça de preciosas vidas, e, sem dúvida, você é um alvo em potencial (Pv 30.20).

Então, não troque por nada a felicidade que o Pai preparou para ser desfrutada por todo o sempre.

 

Em Cristo, com amor,

 

R. R. Soares