22/07/2019 - DESVIADOS DO CAMINHO

Mas vós vos desviastes do caminho, a muitos fizestes tropeçar na lei: corrompestes o concerto de Levi, diz o SENHOR dos Exércitos.

Malaquias 2.8

O caminho apontado pelo Senhor destina-se à nossa salvação, saúde, prosperidade e às demais bênçãos das quais precisaremos para uma vida digna. Isso é bem importante, pois, como seremos considerados filhos de Deus, se não tivermos o poder para resolver as dificuldades mínimas da vida. Porém, só quem perseverar no direito que lhe foi dado salvará a sua alma, já quem se desviar dele será condenado.

Temos a Luz a seguir e o bom Espírito de Deus, o qual nos guiará até o fim. É importante, então, não tirarmos os olhos do Senhor. Assim, não nos desviaremos da rota traçada por Ele. Não importa o que venha contra você – se uma grande adversidade ou uma tentação irresistível. Caia fora disso enquanto é possível. Quem se encanta com o pecado, invariavelmente, cai nas garras dele. O pecado é um anjo da morte!

Quando o sacerdote se desvia, fica em estado deplorável. A luz que iluminava seu caminho se apaga, e ele se torna responsável pelo desvio de muitos, para quem a conta será alta demais. Estes farão outras pessoas seguirem seu mau exemplo e deixarem de crer no Altíssimo. Por outro lado, o bom sacerdote dá bom testemunho para muitos que estão na trilha da morte, e, dessa maneira, será recompensado por essa conduta.

O que seria dos israelitas se Samuel tivesse ficado irado com eles por terem pedido que lhes fosse dado um rei? Porém, Samuel era um verdadeiro servo de Deus e amou-os até o fim. Os que se ofendem com a preferência das pessoas não continuarão por muito tempo na presença de Deus. O ódio no coração, a mentira que insiste em manter e os demais desvios de conduta afastarão quem lhes der guarida.

Se permite que sentimentos ruins habitem seu coração ou despreza o Senhor, você está no caminho da morte. Pare agora, arrependa-se e volte para Deus. Atente para isto: se a sua vida terminar com erros, você não verá o Pai celestial. Jesus prometeu que os puros de coração verão o Glorioso e Todo-Poderoso (Mt 5.8). Os enganos são armas poderosas do diabo para levá-lo à perdição eterna.

O concerto sacerdotal de Levi não podia ser corrompido, e quem fizesse isso teria uma amarga punição. Quanto maior castigo terá a pessoa que corrompe a Aliança de Cristo, realizada no Seu sangue? Acorde! Saia do pecado, confesse seus erros e deixe o mau caminho. Quando você estiver perante o Altíssimo, no Juízo, Ele será o Juiz e não mais o Advogado que é hoje. Este é o momento de orar e tomar a sua decisão! 

Mantenha a comunhão com Deus, conte suas faltas a Ele e àquele a quem desonrou. Jamais seja teimoso, porque, mesmo sendo sincero, caso deixe de confessar seus pecados, você não será perdoado (Lc 17.3). A oportunidade de se livrar de algum erro é agora. O que você fará?

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares