ongrace.com

> Mensagem de Hoje

07/05/2014 - A SUA FÉ PODE SER AUMENTADA

  • Envie por Email
  • Imprimir
Disseram, então, os apóstolos ao Senhor: Acrescenta-nos a fé. Lucas 17.5


Há coisas que temos de fazer muito difíceis para quem está no âmbito natural. Nessas horas, costuma nos assolar um misto de tristeza e desapontamento, mas isso não deveria ocorrer. Não há uma só dificuldade para a qual não possamos dar solução. No entanto, para isso, sempre temos de buscar a direção nas Escrituras e segui-la, pois, do contrário, não obteremos êxito. Prepare-se para ser vencedor em tudo.

Os apóstolos já estavam ao lado do Mestre por muito tempo e tinham visto todos os tipos de milagres acontecerem, pois eles próprios haviam sido usados na operação de muitas curas e até na libertação de endemoninhados. No entanto, quando ouviram a lição sobre o número de vezes que deveriam perdoar a quem os ofendessem (Mt 18.21,22), deram-se conta de que não criam em Deus suficientemente. Diante disso, pediram que a fé lhes fosse acrescentada.

Ora, a fé é recebida quando se dá ouvidos às Escrituras, mas esse ouvir é atentar para o que está escrito, lendo a Palavra ou ouvindo a Sua pregação (Rm 10.17). Ao examinarmos o que nos salta aos olhos, a fé surge em nosso coração, e, com a certeza de que certa bênção é nossa, podemos fazer a oração correta. Além disso, ela concede o poder para repreendermos o inimigo e ficarmos livres de suas agressões. Não é errado clamar para que ela nos seja aumentada.

A resposta do Mestre não foi negativa, mas desafiadora. Ao ensinar que a fé deveria funcionar como uma semente de mostarda, ou qualquer outra planta – e, se ela estivesse no coração deles –, eles poderiam dizer a uma amoreira, por exemplo, que se desarraigasse do caminho deles e se plantasse no mar, e ela lhes obedeceria. Sem dúvida, isso nos mostra que pouco sabemos do que somos capazes de fazer.

Há muitos empecilhos que desafiam a nossa perseverança nas palavras de Jesus e, sem dúvida, perdemos muito por isso. Enquanto estivermos em tempo de bons ventos, paz e tranquilidade, será bom estudarmos a Bíblia, a fim de nos apresentarmos diante do Pai como obreiros aprovados, que conhecem bem a Palavra da Verdade e não têm do que se envergonhar (2 Tm 2.15). Existem pessoas que precisam da nossa firmeza em Deus.

A fé em Jesus é tudo de que precisamos para vencermos as hostes do mal, vivermos livres das tentações e sermos curados de qualquer doença. Contudo, se ela for inexpressiva em nossa maneira de crer, pouco funcionará. Mas não há nada complicado em relação à fé, a qual somente alguns conseguem e outros não. Deus deu a cada um de nós uma medida de fé; agora, é preciso dar ouvidos à Palavra para que ela venha ou apareça.

Certa ocasião, os discípulos estavam no mar da Galileia em meio a um grande temporal. Quando perceberam que o barco afundaria e Jesus dormia na proa, eles acordaram o Mestre perguntando se Ele não Se importava que naufragassem. Após repreender os ventos e o mar, Ele lhes perguntou por que ainda não tinham fé (Mc 4.35-40). Entenda: quem dá ouvidos à Palavra recebe fé.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Senhor das vitórias! Muitas pessoas têm de voltar ao início da fé em Cristo, pois, como não a exercitam há muito tempo, o demônio tem conseguido mantê-las na derrota e, pelo que falam e o modo como vivem, parece até que Tu mentiste ou as enganaste.

Não podemos continuar lendo o que Jesus e os apóstolos fizeram sob Tuas ordens e não conseguirmos fazer nada de extraordinário. Pai! Parece que está tudo errado com o nosso modo de crer, exercitar a fé e Te servir; definitivamente, queremos vencer os nossos inimigos.

Após termos aprendido com Jesus acerca do que podemos realizar pela fé, queremos plantá-la, como plantaríamos qualquer grão, e ver a linda colheita que teremos. Em o Nome de Jesus, uso a minha fé contra toda a força do mal e ordeno a libertação desta pessoa que ora comigo.

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

No folheto intitulado ''Um homem chamado William Branham'', T. L. Osborn o trata como o próprio Deus. William Marrion Branham (1909-1965) é fundador da seita herética e...

Certa vez, comentei essa declaração do Dr. T. L. sobre o Branham com Tommy O''Dell, neto do Dr. Osborn, e ele me respondeu que parte dela era verídica. Para que os leitores...

»VEJA MAIS