ongrace.com

> Mensagem de Hoje

07/09/2019 - A TRISTE CAMINHADA DE EFRAIM

  • Envie por Email
  • Imprimir
E, agora, multiplicaram pecados e da sua prata fizeram uma imagem de fundição, ídolos segundo o seu entendimento, todos obra de artífices, dos quais dizem: Os homens que sacrificam beijam os bezerros. Oseias 13.2


Os israelitas da tribo de Efraim pecavam repetidamente, mas, quando eram advertidos por Deus, arrependiam-se. No entanto, passado algum tempo, ao serem tentados novamente, voltavam a falhar. Isso irritava o Senhor. O povo tinha consciência da sua transgressão, mas não mostravam temor e arrependimento genuíno para interromper definitivamente suas práticas maléficas. Por isso, sempre voltavam ao mau comportamento. 

Quando pecavam, o pouco de temor existente entre eles e as repreensões que recebiam de alguns servos de Deus faziam com que pedissem perdão ao Altíssimo. No entanto, na tentação seguinte, caíam outra vez. Esse tipo de procedimento arruína a alma de quem o pratica e tem sido comum na vida de muitos.

Os membros dessa tribo faziam para si imagens criadas por outras pessoas ou pela mente pervertida deles. Isso tem acontecido com diversos filhos de Deus. Eles estão seguindo os passos daqueles que se corromperam na arte de provocar o Senhor e agradar ao maligno. Esse mau exemplo pesa bastante na vida de quem peca atualmente. Misericórdia! 

Os efraimitas confeccionavam ídolos da sua prata. Isso nos mostra que, para errar, não há preço alto, e sim para fazer o bem. As fantasias sexuais têm levado indivíduos a gastarem o que têm e, em alguns casos, até a se endividarem. O custo para obter algum prazer extra não é levado em conta por quem está enfeitiçado pelo maligno. A vergonha que sofrerão ao serem descobertos e o sofrimento que imporão à sua família também não têm sido considerados.

É preciso deixar de observar as habilidades de alguns em provocar a lascívia. Eva acreditou que Deus não havia dito a verdade quanto ao fruto da árvore da ciência do bem e do mal. Então, ao ver que ele era bom para comer, agradável aos olhos e desejável para dar entendimento (Gn 3.6), provou-o e o deu também a Adão. As proibições do Senhor devem ser obedecidas. Quem as praticar se corromperá.

Jesus disse que os filhos das trevas são mais habilidosos do que os da luz (Lc 16.8). A inocência com a qual somos revestidos por Deus para andarmos com Ele nunca deve ser desprezada. Se acreditarmos nas mentiras do diabo, a corrupção desfará as nossas reservas morais. Seremos servos de quem nos inclinarmos a servir. Lembre-se: os artesãos preparados pelo Inferno são persuasivos!

Os filhos de Jacó passaram a beijar os bezerros de ouro, em vez prestar culto ao Senhor. O beijo pode ser a nossa assinatura de rendição ao adversário e à perdição eterna. Esse é o caminho para o triste fim! Arrependa-se e volte-se para o Altíssimo enquanto é tempo!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Senhor! É assustador o que temos visto: muitos foram convencidos pelo diabo de que não há problema em ceder um pouco e observar o fruto proibido. Ora, nenhum bom resultado vem de uma transgressão.

Por que isso tem ocorrido? Até alguns servos Teus têm sido fracos e aceitado as tentações, pois deixaram de crer na Tua Palavra. Pai, pedimos a Tua misericórdia e suplicamos por uma mudança completa de vida.

Sabemos o que aconteceu com o “inocente” casal que não levou em conta a Tua fala. Precisamos de libertação, de uma limpeza em nossa alma. Assim, fecharemos a porta usada pelo inimigo para nos dominar. Amém!

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

Missionário, há 10 meses tenho me libertado, e conhecido ao Senhor Jesus, mas ainda não sou batizado. Meus pais são católicos, e nao admitem de jeito nenhum que eu vá a...

Seus pais certamente o amam e estão fazendo o que acham ser o melhor para vc. A Palavra de Deus ensina que devemos obedecer aos pais (Dt 5.16; Ef 6.1-2). Portanto, acate a...

»VEJA MAIS