ongrace.com

> Mensagem de Hoje

26/08/2015 - A VERDADE NAS INTENÇÕES

  • Envie por Email
  • Imprimir
Assim, também vós exteriormente pareceis justos aos homens, mas interiormente estais cheios de hipocrisia e de iniquidade.  Mateus 23.28


Não é fácil tirar do homem o cuidado para com o exterior, que, muitas vezes, torna-o realizado sob a capa pomposa da justiça humana. Por mais que o Espírito de Deus lhe mostre na Palavra que esse caminho não é o certo, ele se atreve a dizer que não é como os demais homens, pois, a seu ver, não adultera, não rouba nem defrauda alguém. O farisaísmo nos faz sentir seguros, impedindo-nos de ver em nós os erros que enxergamos nos outros.

Se alguém olhar para outra pessoa com intenção impura, já cometeu adultério com ela (Mt 5.28). Além disso, também é pecado alguém se vestir de forma provocante ou usar a sensualidade no falar, no andar e na gentileza, para ganhar atenção, reconhecimento, promoção no trabalho ou até tentar o próximo e ver se ele é, de fato, servo de Deus.

Jesus falou de quem expõe o cônjuge ao adultério, ao dar-lhe carta de divórcio, sem que tenha havido infidelidade. Ora, a advertência divina tem de ser levada a sério. Porém, costumamos dar ouvidos ao diabo, recusando-nos a escutar a voz do Espírito, que nos lembra do que está escrito. A promessa do Senhor de nos dar o escape na tentação é cumprida sempre diante de qualquer ataque infernal (1 Co 10.13).

A vontade de se passarem por benfeitores fez Ananias e sua mulher morrerem por causa da mentira que contaram perante a igreja em Jerusalém. Sem dúvida, há outros que têm recebido condenação semelhante por serem hipócritas até mesmo nas decisões que juram terem vindo de Deus. É preciso examinar nossos motivos, porque, quando usamos falsos argumentos e propósitos perversos, somos contaminados.

A ordem é limpar o interior dos pratos, pois, ainda que comamos o pão celestial, que é puro, com o coração imundo, nós nos contaminamos com o veneno do diabo. Então, em vez de nos termos saciado, alimentamos o demônio enviado para nos tirar do Caminho.

Examine suas ações em tudo, bem como o que, no fundo do seu coração, leva-o a orar por certa bênção. Tire tudo o que provém do maligno. Do contrário, você tropeçará em seus próprios desejos e, em vez de abençoar os perdidos e os irmãos, poderá levá-los ao adultério espiritual. Então, você dará conta não somente dos seus erros, como também dos alheios. A orientação do Senhor é que não entraremos no Reino dos Céus, a menos que a nossa justiça exceda em muito a dos escribas e fariseus (Mt 5.20).

A santidade não precisa de esforço para ser mostrada em sua vida, e sim de uma decisão de não dar lugar ao diabo. Quando o seu coração levá-lo a tomar alguma atitude em desacordo com a orientação bíblica, recuse-a, pois se trata de uma das obras de quem tem poder para se manifestar como um anjo de luz (2 Co 11.14). Do Senhor não procede erro algum!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Pai! Como somos maus? Até no vestir, falar e caminhar, temos dado lugar ao maligno. Com isso, levamos outras pessoas a nos imitar e fazemos coisas que Te envergonham e impedem de nos atender.

Precisamos limpar o interior dos pratos e dos copos, para que nenhum elemento maligno contamine o pão que nos faz bem. Ajuda-nos a ter olhos puros, para que nossas decisões sejam agradáveis a Ti. Assim, as pessoas Te louvarão.

A partir de agora, as nossas escolhas devem se basear em Ti; Tu dirás que somos segundo o Teu coração. Queremos guerrear as Tuas guerras conforme a Tua vontade santa e poderosa. Usa-nos, Senhor!

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

A minha dúvida é a seguinte: Note que nos evangelhos em diversas situações Jesus Cristo sabia o que as pessoas estavam pensando mesmo que elas não falassem nada. Eu não...

Acho que você está esquecendo que os evangelistas não escreveram por sabedoria própria, mas inspirados pelo Espírito Santo, que é Deus (2Pe 1.20-21; 2Tm...

»VEJA MAIS