ongrace.com

> Mensagem de Hoje

09/02/2015 - BOA RAZÃO

  • Envie por Email
  • Imprimir
Eis que tenho desejado os teus preceitos; vivifica-me por tua justiça. Salmo 119.40

Ouça a mensagem

Muitas vezes, o cristão se encontra quase vencido pelas tentações; porém, se desejar os preceitos do Senhor, pode pedir a sua vivificação. É claro que ninguém deve se deixar levar pelas mentiras do diabo, que são exatamente as tentações. Aqueles que foram tomados por elas passaram a viver no mundo da paixão, onde o certo é errado, e vice-versa, e os defeitos se tornam virtudes. Então, só mesmo Deus para tirá-los dessa arapuca.

Os mandamentos do Senhor incomodam os que estão em pecado e o amam, mas alegra os que querem se endireitar e cumprir a vontade divina. Que tipo de pessoa você é? Depois da tentação, como você fica? Sente-se realizado, ou cai em uma profunda tristeza? Os que se deixam convencer do erro pelo Santo Espírito são marcados por Deus, pois o simples desejo de observar Suas orientações já é prova de que almejam mudar.

Mesmo caída no erro, se a pessoa quiser conhecer e cumprir as ordens de Deus, terá condições de clamar a Ele para ser vivificada pela Sua justiça. Ora, o pecado é algo sério, porque, depois da morte, não há mais como se arrepender, e o que segue é o juízo eterno. Por isso, quem tiver entendimento deve buscar do Pai o perdão, a reconciliação e a completa restituição de vida.

Desejar os preceitos divinos já dá uma garantia diante de Deus, e isso se vê pela vontade de mudança. A pessoa pode estar fraca por causa de pensamentos errados; porém, o fato de querer seguir o Senhor O faz entrar em ação e lhe dar nova força. Com isso, a unção que quebra todo jugo vem sobre ela (Is 10.27). Em seguida, a justiça de Deus a reanima para a batalha e a liberta totalmente.

Por mais distante que você esteja do Todo-Poderoso, espere pela ajuda dEle. Se o seu coração desejar os preceitos divinos, mesmo que não os tenha cumprido, você terá uma oportunidade de voltar à comunhão com Ele. No entanto, isso não pode servir de trampolim para você cair em pecado; ao contrário, livre-se das tentações e não fique mais sob a autoridade do maligno.

O apóstolo Paulo escreveu a respeito disso na carta aos romanos, dizendo que àquele que não pratica, porém crê naquele que justifica o ímpio, a sua fé lhe é imputada como justiça (Rm 4.5). Porém, sem dúvida, o melhor é praticar a fé em Jesus, pois, com ela, você não somente escapa da condenação eterna, mas também se prepara e qualifica para a eternidade ao lado dEle. O mundo passa, e quem faz vontade de Deus permanece.

A justiça divina é competente para realizar a sua vivificação; por isso, envolva-se com Ele, embora sinta que não está bem para ser ouvido. Em sua queda, lembre-se de que Ele justifica o ímpio, e, então, a sua fé lhe será imputada como justiça – algo que você tenha feito de certo (Rm 4.5). Deus há de fazer a sua justificação. Não há melhor hora para se acertar com o Ele do que agora! Você quer?

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Senhor justificador! Cria em nós um desejo de conhecer os Teus preceitos e obedecer a eles, pois não queremos o domínio do inimigo. Por mais que a nossa carne recuse Te seguir, o querer sincero deve estar em nosso coração. 

Mostra-nos a saída para jamais nos submetermos ao jugo do diabo. Nós nos colocaremos debaixo das Tuas promessas e veremos o Teu poder vivificador operando em nós. 

Tua justiça precisa estar atuando em nosso ser, pois não fomos ainda transformados completamente. Por isso, numerosas vezes, temos crises de tentações e deixamos o nosso pensamento aceitá-las. Dá-nos vida de novo!

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

missionario que deus continua te abençoando porque atraves do seu programa quase toda minha familia está sendo liberta, só tem um problema missionario eu tenho uma sobrinha...

Você pode usar a Palavra de Deus para adverti-la: "Não sejas freqüente na casa do teu próximo, para que não se enfade de ti e te aborreça" (Pv 25.17). Além desse texto...

»VEJA MAIS