ongrace.com

> Mensagem de Hoje

23/06/2018 - CONFIANÇA NADA PRODUTIVA

  • Envie por Email
  • Imprimir
Ainda que também podia confiar na carne; se algum outro cuida que pode confiar na carne, ainda mais eu.   Filipenses 3.4

Ouça a mensagem

O apóstolo Paulo fala do seu nascimento, aprendizado e sua ocupação no judaísmo, que poderia ser de grande influência entre o seu povo. No entanto, ele considerou aquilo inútil para ganhar a sublimidade de Cristo (v. 8). A decisão paulina nos ensina que não temos de citar fator algum para nos promover, pois isso é irrelevante no Evangelho. Em Cristo, somos novas criaturas com direitos iguais e missão específica, a qual Deus nos dá por nos amar.

Ao dizer que Deus escolhe as coisas loucas para confundir as sábias (1 Co 1.27), Paulo nos recorda que a nossa escolha não foi pelo que somos ou fizemos, mas pela misericórdia do Senhor. Por isso, independentemente do lugar onde somos colocados, devemos servir-Lhe, lembrando-nos que Ele nos amou de tal forma que nos deu a salvação para agirmos como redimidos. Ao mesmo tempo, precisamos louvá-Lo por nos conceder tal oportunidade.

Jamais confie nos seus estudos, em sua preparação ou aptidão física, ou em algum outro fator, pois nada pesou na balança para o Altíssimo escolher você. Ao contrário, o mais frágil, muitas vezes, é o escolhido para fazer a Sua obra. O olhar de Deus enxerga além do humano (1 Co 2.14). Por isso, eu e você estamos servindo-Lhe como foi do Seu agrado. Nunca se esqueça disso, pois, se você se envaidecer, será derrotado.

Quando os profetas se ensoberbeceram, Deus pegou um dos moradores de Gileade para repreender o rei. Ele não escolheu Eliabe, que despertou o interesse de Samuel (1 Sm 16.6,7), e sim Davi, a quem o Senhor preparou para aquele momento. O Altíssimo antevê os problemas e sabe quem não fará a obra por si, mas buscará a Sua ajuda e O honrará publicamente. Porém, os escolhidos devem continuar humildes.

Quando Saul se envaideceu, tornou-se vil. Da mesma forma, os servos de Deus jamais devem deixar a vaidade e o pecado tomarem conta do seu coração. Como ocorreu com o filho de Quis, acontecerá com os que lançarem mão do poder de decidir, pois essa é uma prerrogativa divina. Não ceda ao diabo, mas, firmado no exemplo de Jesus, sirva ao Senhor com amor e temor.

Se você vem do judaísmo, ou de uma família de pregadores, não saia da sua posição de filho de Deus nem se deixe levar por motivo algum, a não ser pela misericórdia divina. Ainda que esteja sendo bastante usado na obra, o que deve pesar em seu íntimo é a bondade celestial. Então, você agradará ao Pai que o chamou para servir-Lhe nesta hora.

A verdade é que nem a carne nem o que fizemos para o Pai servirão para que nossos descendentes possam se gabar, no futuro, de terem sido escolhidos por nossa causa. A única coisa que leva o Senhor a convocar alguém é um plano que Ele tem, do qual nada sabemos. A nossa decisão é certa ao lado dEle, e dela não devemos abrir mão. Deus é bom!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Pai! Somos passíveis de ser enganados por Satanás se utilizarmos qualquer fator que pareça importante, como a razão de termos sido preparados por Ti para sermos ceifeiros no Evangelho! Guarda-nos da vaidade!

Não podemos tocar na Tua glória nem dar louvor a quem quer que seja. Tu nos amaste de tal forma, que podemos estar na Tua presença e Te servir como desejas. Cuida de nós! O nosso maior desejo é fazer o que Te agrada. Tu és fiel!

Quando chegar o dia de voltarmos ao Lar eterno, as nossas obras devem deixar o seguinte recado a todos: foi puramente por misericórdia que Tu nos usaste. Nada pode nos recomendar a tal ato misericordioso vindo de Ti. Somos gratos por tudo!

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração