ongrace.com

> Mensagem de Hoje

03/11/2020 - CONSELHOS QUE NASCEM DO HOMEM

  • Envie por Email
  • Imprimir
Disseram-lhe, pois, seus irmãos: Sai daqui e vai para a Judeia, para que também os teus discípulos vejam as obras que fazes. João 7.3


Por esse versículo, fica claro que familiares – sejam os de sangue, sejam os espirituais, que tenham bom caráter e outros predicados –, amigos e líderes de outros ministérios não devem ser procurados para nos aconselhar. Se os conselhos do homem podem ajudar, imagine os de Deus. Isaías disse: O seu nome será Maravilhoso Conselheiro (Is 9.6c). Da Sua boca nunca saiu nem sairá nada de ruim ou chulo!

Acabe, que vivia em pecado, montou para si um grupo de profetas, pois não queria buscar o Senhor. Além disso, tinha sua mulher como conselheira. O rei ouviu de seus nomeados: Sobe a Ramote-Gileade e prosperarás, porque o SENHOR a entregará na mão do rei (1 Rs 22.12b). Josafá, rei de Judá, que estava ao seu lado, não gostou do que ouviu e pediu ao rei de Samaria que trouxesse um servo de Deus, e ocorreu exatamente como ele disse!

Mais tarde, quando os amonitas, moabitas e os da montanha de Seir, com alguns outros, fizeram uma aliança para destruir Judá, Josafá chamou o povo de Israel a Jerusalém e abriu seu coração diante de Deus, em um jejum do qual todos participaram. O medo havia tomado conta do rei, pois aquelas nações, caso não os destruíssem, haveriam de lhes causar grandes males. Porém, o Senhor socorreu Seu povo de modo espetacular (2 Cr 20.22).

Quando foi com Acabe à guerra contra os siros, Josafá quase perdeu a vida, pois teve de se identificar como um rei de Judá que havia sido convidado (1 Rs 22.30). Naquele dia, Acabe acreditou nos seus profetas e morreu (2 Rs 22.40). Para Josafá ficou claro: a teimosia contra o Senhor é a pior atitude e buscá-Lo, a melhor (Pv 3.5-8). Quem deixar de procurar o Altíssimo para ouvir os conselhos do homem verá que agiu erradamente!

O rei Asa, pai de Josafá, após ter sido ajudado no caso do etíope Zerá, o qual se dirigiu contra Judá com um milhão de soldados, ouviu a repreensão de Deus por intermédio do profeta Azarias, filho de Obede, e convocou seu povo a Jerusalém. Ali, combinaram de clamar ao Senhor. Quem não fizesse isso morreria, desde o menor ao maior, homens e mulheres (2 Cr 14.9-15; 15.1-13). Esse juramento foi a maneira que Asa encontrou de demonstrar radicalmente seu apreço ao Senhor.

Vinte e três anos depois, Asa desprezou o pacto, pois não buscou a Deus, mas fez aliança com o rei da Síria. Caiu doente e, em vez de pedir socorro ao Senhor, preferiu recorrer apenas aos médicos. Tratar com esses profissionais jamais foi errado, mas não cumprir o acordo feito com o Altíssimo é muito perigoso: E caiu Asa doente de seus pés no ano trigésimo nono do seu reinado; grande por extremo era a sua enfermidade, e, contudo, na sua enfermidade, não buscou ao SENHOR, mas, antes, aos médicos (2 Cr 16.12). Honre a Nova Aliança!

É claro que Jesus não deu atenção às palavras de Seus irmãos, que não criam nEle como deveriam. Quando Ele era usado de modo inusitado, até os membros de Sua família quiseram prendê-Lo: E, quando os seus parentes ouviram isso, saíram para o prender, porque diziam: Está fora de si (Mc 3.21). Ouça o Pai, que fala pela Palavra!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Deus presciente e sábio! Fiquemos alerta, pois o diabo, que usou Pedro para repreender o Teu Filho e foi imediatamente repreendido por Ele, também há de usar pessoas até da nossa família para nos impedir de cumprir o Teu lindo plano!

Fala conosco pela Tua Palavra e, mesmo que algum dos Teus seja enviado, faz-nos discernir se são Teus servos ou do diabo. Queremos Te procurar sempre. Em Cristo, somos bem atendidos!

Permite-nos estar atentos; assim, não cairemos nos contos do inimigo. Tu és o Único em Quem confiamos. Tua é a glória da missão que nos deste. Nada nos tirará das Tuas mãos. Precisamos Te obedecer!

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

Estou aguardando o meu processo de divórcio. No entanto, vivo maritalmente com uma pessoa. Os meus irmãos em Cristo condenam a minha atitude, mas não me sinto em pecado....

Casos como o seu não podem ser avaliados sem que sejam conhecidos os detalhes. Um deles é o seguinte: quando você se converteu, já estava divorciada e envolvida...

»VEJA MAIS