ongrace.com

> Mensagem de Hoje

06/11/2013 - ESPERE O MOMENTO CERTO

  • Envie por Email
  • Imprimir
Entrando-se apressadamente de posse de uma herança no princípio, o seu fim não será bendito. Provérbios 20.21


Repetidas vezes, a Bíblia afirma que os apressados pecam. Quando você sentir que uma bênção lhe foi prometida, não se apresse em tomar posse dela. Uma das missões do Santo Espírito é ensinar-nos a respeito do que nos pertence em Cristo. Por isso, é bom consultá-Lo sobre como e quando devemos determinar a realização de algo. Às vezes, a promessa deve ser cumprida depois; em outras, na hora em que é revelada.

Quem anda em comunhão com o Senhor sabe o tempo e o modo de fazer o que lhe foi anunciado. Portanto, para não errar, nunca deixe ninguém nem mesmo a urgência do milagre fazerem você antecipar o que Deus lhe deu, ou usar outro método que não seja do Senhor. Os apressados ou ansiosos para tomar posse de algo podem atrapalhar o plano divino (Fp 4.6).

Os que nem bem ouviram a promessa e já a reivindicam, sem a instrução divina, não agem bem, pois, talvez, ainda não tenham estrutura para manejar bem o que será colocado em suas mãos. É certo crer que tudo o que o Senhor promete Ele fará, mas é preciso amadurecer na fé, a fim de não agir levianamente. Isso porque o poder costuma corromper aqueles que ainda não estão maduros para serem mordomos do Altíssimo.

Saul se escondeu para Samuel não o achar nem o ungir rei sobre Israel. Contudo, depois, ele ficou cheio de inveja de Davi e procurou matá-lo, pois tudo indicava que Davi assumiria o reino em seu lugar. Não podemos dizer que Saul ou Samuel agiu precipitadamente. Entretanto, a falta de preparação espiritual é perigosa para todo aquele que recebe uma promessa, pois assumi-la antecipadamente pode não ser uma coisa boa (Ec 3.1).

De acordo com o entendimento bíblico, peca quem é precipitado. O que Deus diz não se discute, mas se cumpre. Ele fala claramente que não é bom tomar posse de uma herança antes do tempo. Ainda que tudo indique que é a sua hora, ou que outros tentarão enganar você, siga o rito certo até o Espírito Santo lhe dar o sinal verde. Quem não atende ao divino conselho vê mais tarde que não fez a escolha certa. Seguir a orientação divina é caminhar seguro (Sl 18.30).

Paulo falou de uma grande porta que lhe havia sido aberta (1 Co 16.9). Mas, em vez de logo entrar por ela, pediu que orassem por ele. O Altíssimo sabe todas as coisas que nos acontecerão durante o nosso tempo na Terra; por essa razão, deu-nos o Seu Espírito para nos guiar. Aqueles que, sem refletir, declaram que algo é santo e deve ser assumido logo, mais tarde, poderão arrepender-se. Contudo, esse arrependimento tardio poderá ser em vão.

O Senhor deseja que tudo o que é nosso seja abençoado. Ele jamais nos daria algo que nos causasse algum mal. É necessário sentir Sua santa direção para dar o passo certo. Portanto, em todas as oportunidades que se abrirem para você, ore. Ao sentir de Deus que está na hora, avance! No entanto, se a direção divina for para você esperar, obedeça!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Deus onisciente! Obrigado pelo Teu conselho para que não assumamos de pronto o que parece ser nosso. Até mesmo no momento de tomar posse de uma herança, em que, aparentemente, não há por que esperar por Tua direção, será sábio não nos precipitarmos.

Tudo o que Tu nos dás é abençoado. Porém, a pressa pode deixar-nos em uma situação ruim, e, com isso, o que seria uma bênção deixará de sê-lo. Devemos ter a Tua direção em todas as coisas, pois, assim, sempre seremos conduzidos em triunfo.

Agora, pedimos que Tu nos ajudes a ouvir bem a Tua direção. Queremos que nos faças ver se aquilo que se apresenta diante de nós é bom ou não. Não podemos desobedecer-Lhe, tampouco O desonrar. Com a Tua direção, jamais tropeçaremos em algum obstáculo.

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

Por que o apóstolo Paulo mandou Timóteo usar água misturada com vinho para as suas freqüentes enfermidades do estômago? Seria falta de...

Quem sou eu para julgar Paulo? Ele dará contas das atitudes que tomou, bem como das palavras que falou; eu já tenho o bastante para dar contas no Grande Dia, e que o Senhor...

»VEJA MAIS