ongrace.com

> Mensagem de Hoje

22/09/2013 - EXECUTE O JUÍZO VERDADEIRO

  • Envie por Email
  • Imprimir
E aconteceu que, como ele clamou, e eles não ouviram, assim também eles clamarão, mas eu não ouvirei, diz o SENHOR dos Exércitos. Zacarias 7.13


É uma grande insensatez desprezar o poder que temos na oração. Isso, além de nos impedir de desfrutar das bênçãos do Senhor, entristece o coração dEle. Em Seu plano para a vida de cada um dos Seus filhos, o Altíssimo planejou que nada faltasse. Contudo, se não seguirmos as Suas orientações, o Seu poder não pode operar em nosso favor. Agora, por que deixar de exercer a sua autoridade, se ela irá libertá-lo das suas aflições?

A luta do bem contra o mal não cessa; a cada instante, o inimigo está planejando algo contra nós. Se confiarmos na Palavra, não enfrentaremos problema algum; no entanto, se deixarmos de crer nela e de cumprir o que nos foi destinado como mandamento, ficaremos vulneráveis às investidas do inimigo. A nossa caminhada de fé foi planejada para ser suave e perfeita.

O Senhor não tem mais nada a fazer em relação ao direito de vivermos bem e desfrutarmos de tudo o que Jesus conquistou para nós em Sua morte. O nosso Pai não precisa lutar com o diabo para obtermos o que nos pertence, nem nós precisamos fazer isso. Basta resistirmos às tentações, e elas fugirão de nós (Tg 4.7). Precisamos, sim, tomar posse do que nos foi preparado e entregue.

É nossa a promessa feita por Cristo de que tudo o que determinarmos em Seu Nome nos será feito; então, por ter saído dos lábios dEle, não há como ser desfeita ou anulada. Não importa o mal que nos ataca; podemos exigir, em o Nome do nosso Salvador, que o maligno saia tão logo invista contra a nossa vida. A nossa ordem dada em o Nome de Jesus é tão poderosa quanto a que o Senhor dava pessoalmente.

Quem não atenta para as orientações do Senhor – o que a Bíblia chama de Seu clamor –, um dia, quando precisar, também clamará e não será ouvido. Isso é uma lei espiritual a qual será cumprida sempre. Portanto, vigie para que isso não ocorra com você. Sem dúvida, o diabo tudo fará para você cometer a tolice de não atender às ordens de Deus, pois, assim, você também não será atendido.

Por outro lado, sendo um cumpridor das ordens divinas, não tenha o menor receio de exercer a sua autoridade e exigir que o inimigo cesse prontamente de importunar ou atacar você. Aos servos obedientes nunca faltará a assistência do Senhor, que é Deus fiel. Já as orações daqueles que não dão a devida atenção aos divinos mandamentos não são reconhecidas. Entretanto, por que alguém, em sã consciência, deixaria de obedecer ao Todo-Poderoso?

O que estamos vendo nesta lição é pura orientação celestial. Por isso, seja um aluno exemplar e, então, veja que o Altíssimo é o Cumpridor de Suas promessas. O melhor é nunca estar fora do plano divino; com isso, podemos continuar seguros de que jamais deixaremos de ser atendidos.

Em Cristo, com amor.

R. R. Soares

 

 

Ó Deus, que ouve e responde orações! Como é bom saber que tens planejado tudo para a vida dos Teus servos. Ajuda-nos a entender e cumprir o que nos tens preparado. Precisamos ser firmes na fé; assim, quando a tentação vier, não temeremos.

Agora mesmo, Senhor, há muitas pessoas que, apesar de crerem em Ti, estão debaixo de ataques do inimigo e, mesmo sendo cristãs, não serão atendidas, a menos que se arrependam da má decisão que fizeram em não Te dar o verdadeiro lugar.

Pai, quantas maldades temos cometido por não darmos a devida atenção às Tuas palavras. Mas não podemos nem devemos aceitar ficar fora da Tua proteção. Perdoa-nos e ajuda-nos a não mais agir de modo insensato e contrário à Tua vontade.

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

Estou passando por vários problemas espirituais e sentimentais.Conheci uma pessoa que mora duas ruas depois da minha casa,e diz que gosta muito de mim,é separado,fala muito...

Vc tem de assumir sua posição de salva em Cristo. Estude, em espírito de oração, na Carta aos Efésios e vc verá como é digna a posição em que o Senhor Jesus nos...

»VEJA MAIS