ongrace.com

> Mensagem de Hoje

04/01/2016 - FIM AO SOFRIMENTO

  • Envie por Email
  • Imprimir
E enviou-os a pregar o Reino de Deus e a curar os enfermos. Lucas 9.2


Nada se compara ao Reino de Deus. O que se atreve a chegar perto trata apenas de assuntos religiosos, em que o homem copia alguns ensinamentos da Palavra e tenta adaptá-los para justificar sua doutrina. Esses negligentes e enganadores pagarão um alto preço por não terem obedecido ao Pai. Portanto, não faça nada que o Senhor jamais ordenou que fosse feito. Misericórdia!

Pelo que a Bíblia relata, grande parte dos que se dizem pregadores da Palavra não entende que o propósito principal do Senhor é levantar, preparar e enviar pessoas para propagar o Evangelho, para que mais almas sejam conduzidas ao Seu Reino. As Escrituras ensinam claramente que Jesus fazia isso e mandou que Seus seguidores o fizesse também. Mas, infelizmente, muitos teimam em proceder de maneira diferente.

O que Deus chama de Reino não é somente o contrário do sistema de operação do inimigo – o reino do mal. Além de fazer o oposto do que este faz, o do Senhor nos capacita a viver pela eternidade ao lado de Jesus para fazer a Sua vontade para sempre. Estou convencido de que, se executarmos as ordens divinas, nós Lhe agradaremos de verdade.

Ainda não temos entendido plenamente qual será a nossa participação com Cristo pelos séculos dos séculos. O máximo que nos é revelado é: Mas, como está escrito: As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, e não subiram ao coração do homem são as que Deus preparou para os que o amam (1 Co 2.9). Pela fé, entendemos que não ficaremos deitados o dia todo, descansando sobre redes debaixo de alguma árvore, mas em ação contínua.

A pregação do Reino de Deus não é somente a respeito das coisas futuras, o que pouco sabemos, mas também sobre o que nos tirou da presença do Senhor e nos subjugou a uma vida de miséria e sofrimento – o pecado –, bem como o que Deus pode fazer em favor daquele que crê em Sua Palavra. O Altíssimo não economiza poder para libertar quem já é cidadão dos Céus ou aquele que ainda resiste ao Seu convite.

Está claro que devemos curar enfermos e libertar oprimidos. Não importa a opressão que nos ataca; se somos revestidos da virtude do Alto, temos de libertar todos os que invocarem o Nome do Senhor. Afinal, somos ministros do Novo Testamento. Também precisamos entender que o Altíssimo é completamente sábio e poderoso para nos ensinar o Seu propósito – a melhor maneira de cumprir os Seus mandamentos.

Quem não faz o que Deus manda e leva fogo estranho ao púlpito prestará contas do prejuízo que causou a muitos que foram enganados por outra mensagem. Temos de nos submeter ao que está descrito na Bíblia. A pessoa que não crê nela se iguala a quem subtrai da Palavra alguma coisa. Por isso, não serão aceitas desculpas que possam livrá-la da responsabilidade de não ter guardado o mandamento de Jesus.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Pai! Por que alguém resolve pregar outra mensagem, que não é a o Teu Reino, e ser responsável pelo prejuízo de outrem, por não anunciar o Evangelho?

Somos enviados para divulgar as Boas-Novas e levar os perdidos à salvação, libertando-os das forças do mal e dando a cura aos corpos corroídos por tantas moléstias que passaram a existir com a queda de Adão.

A cura dos enfermos é mandamento que ninguém deve relegar a segundo plano. Não há a menor dúvida de que os que são convocados por Ti devem levar a sério a autoridade que receberam de Ti.

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

Caro missionário, boa missão e sucesso para o senhor! Minha pergunta é: A palavra GRAÇA aparece várias vezes na Bíblia, certo? Qual a definição e ou significado da...

Graça é favor imerecido, ou seja, é a atitude divina de não nos imputar os pecados dos quais somos invariavelmente culpados (1Jo 1.1-2.2) e transferi-los para o Senhor...

»VEJA MAIS