ongrace.com

> Mensagem de Hoje

29/04/2010 - NÃO DESPERDICE PALAVRAS DO HOMEM DE DEUS

  • Envie por Email
  • Imprimir



“Estas são as palavras que Moisés falou a todo o Israel, dalém do Jordão, no deserto, na planície defronte do mar de Sufe, entre Parã, e Tofel, e Labã, e Hazerote, e Di-Zaabe” (Deuteronômio 1.1).

Deus não fala por acaso, por isso não podemos ser como alunos displicentes, que não prestam atenção ao que lhes é ensinado. É preciso observarmos o que fizemos ou deixamos de falar, de acordo com o que o Senhor nos mostrou. Devemos pôr a Palavra em ação e ser fazedores da obra, lembrando sempre que o Altíssimo não fala de modo diferente por fontes diferentes, porque Sua Palavra é única.
          
Em todas as escolas, há estudantes atenciosos que desejam aprender, e outros que não dão a mínima atenção ao que está sendo ministrado. Estes, que são reprovados ou passam “colando”, sentem-se muito espertos. No entanto, eles não estão enganando apenas os mestres, mas também a si mesmos, pois, mais tarde, quando precisarem daqueles ensinamentos, descobrirão que perderam grandes oportunidades de aprender. Os que são bons alunos, aqueles que estudam de verdade, quando estiverem em um teste ou diante de uma chance de trabalho, lograrão êxito.

Na obra de Deus, algo muito parecido acontece: alguns só gostam de ir à igreja em dias especiais, como na Santa Ceia, no Natal, Ano Novo, na Sexta-feira da Paixão, ou quando há um pregador famoso. Ora, o ideal é estar sempre na casa do Pai e anotar tudo o que o Senhor fala, porque o que Ele declara nunca é em vão. Mas é bom não se esquecer de que é necessário apresentar-se ao Mestre aprovado como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade (2 Timóteo 2.15).

Desse modo, um dia, seremos chamados para prestar conta do que fizemos com o poder que nos foi dado. Se tivermos sido relapsos e deixado de cumprir o que nos foi ordenado, estaremos em falta, o que pode significar vidas que se perderão. Quem recebeu uma missão – que, se transmitida, poderia ter levado essas pessoas à salvação –, e não a cumpriu, certamente, estará em apuros por toda a eternidade.

É melhor que estejamos atentos ao que nos é dito e o façamos com todas as forças. Se colocarmos a fé em ação, cumprindo a chamada de Deus, seremos recebidos por Ele, e não condenados por negligência ou desídia. Imagine a consciência de uma pessoa ao saber que o que deixou de fazer para o Senhor cooperou para a perdição eterna de alguém!

Outro fator importante é que Deus não é afeito à confusão (1 Coríntios 14.33), por isso não é prudente ouvi-lO falar por diversas fontes ao mesmo tempo, visitando muitas igrejas para receber melhor o recado divino. Isso pode complicar seu entendimento; afinal, a Palavra é apenas uma.

Se cumprirmos o que nos é dado como missão, não haverá necessidade de ficarmos preocupados com nada, porque só daremos conta daquilo a que fomos designados. Não há surpresa desagradável para aqueles que fazem a vontade divina, mas, com certeza, muitos deleites os esperam.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração