ongrace.com

> Mensagem de Hoje

03/02/2018 - O QUE RECEBEMOS NA SALVAÇÃO

  • Envie por Email
  • Imprimir
Graça e paz, da parte de Deus, nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo. 1 Coríntios 1.3


Ainda está para ser entendido tudo o que recebemos na salvação que há no Senhor Jesus. Ela é anunciada claramente, e, por ela, somos convidados a participar da vida abundante trazida por Cristo (Jo 10.10). Essa bênção maior nos tira do domínio do diabo e nos transporta para o Reino de Deus. Nele, ficamos livres da autoridade do Inferno eternamente.

A saudação de Paulo aos salvos representa mais do que palavras gentis. Esse simples ato faz com que nos lembremos do mover de Deus operado em nós, mediante a fé. Essa ação divina, a qual nos tirou do império das trevas, não cessa de agir em nossa vida, está disponível a todos aqueles que aceitaram o Salvador e se manifesta sempre que cremos na Palavra. O segredo é confiar no que o Senhor diz!

Ao falar da graça divina, o apóstolo nos revela muito além do que podemos pensar ou entender. Ela é mais do que um favor imerecido. Por meio desse mover de Deus, somos curados de enfermidades, temos a libertação de qualquer problema ou a inspiração para realizar o mesmo que o Senhor. Deus é grande!

A engenharia das ações divinas é simples: pela graça somos salvos, mediante a fé que vem por ouvirmos a Palavra (Rm 10.17; Ef 2.8). Precisamos entender que nossos familiares também foram presenteados com essa dádiva. Agora, é só crer e exigir que o diabo tire as mãos deles. Ainda que alguns sejam arredios à mensagem do Evangelho, em pouco tempo, um a um confessará Jesus como Senhor e Salvador.

A paz de Cristo nos é entregue ao ingressarmos na família de Deus. Isso ocorre no momento da salvação, para não sermos levados pelo inimigo de um lado para o outro. Com ela, não nos desesperaremos com nada nem tomaremos decisões loucas ou pecaminosas. É certo que, no mundo, teremos aflições (Jo 16.33). Porém, por estarmos vestidos com a graça, podemos viver como se as perturbações não nos atingissem. A paz do Senhor transcende todo o entendimento (Fp 4.7).

Tanto a graça como a paz usadas por Paulo na saudação são um lembrete de que elas não são encontradas no mundo. Somente os que invocam o Nome do Senhor, e, por isso, são salvos, obtêm essas duas virtudes divinas. Na graça, encontramos o poder para vencer as batalhas e, na paz, nada do inimigo nos perturbará. Como todos os dons, é preciso buscá-las.

A graça e a paz vêm de Deus, nosso Pai, e de Jesus. Elas são oferecidas à pessoa que nasce de novo em Cristo. Por terem suas origens no Altíssimo Pai e no Seu Filho, jamais serão vencidas por nenhuma força do reino das trevas. Após recebê-las, as suas atitudes são de quem se conhece e sabe o que pode fazer. Com elas, você descansa tranquilo no Senhor.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Deus! Desde o dia em que o Teu Filho venceu o diabo, despindo-o do poder que ele havia tomado do homem, a Tua graça está sobre a humanidade. Por isso, pregamos o Evangelho para que todo aquele que crer nas obras do Mestre seja salvo.

Podemos enfrentar o inimigo com firmeza e expulsá-lo do nosso caminho, bem como da vida daqueles que tomam a decisão de ser de Jesus. O sangue dEle purificará cada um que O receber como Salvador. A Tua graça nos salva e nos redime.

Precisamos da Tua paz para não sermos levados de volta ao reino do mal. Em Cristo, temos plena remissão dos nossos pecados. Com a Tua graça e paz, podemos dizer que nada nos faltará. Amém!

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração