ongrace.com

> Mensagem de Hoje

18/12/2013 - OLHOS ABERTOS PARA VER

  • Envie por Email
  • Imprimir
E orou Eliseu e disse: SENHOR, peço-te que lhe abras os olhos, para que veja. E o SENHOR abriu os olhos do moço, e viu; e eis que o monte estava cheio de cavalos e carros de fogo, em redor de Eliseu. 2 Reis 6.17


Sem a oração de Eliseu, o obreiro que lhe servia não conseguiria ver que o Onipotente iria protegê-los. Isso acontece com todo aquele que não tem a unção do Alto. O inimigo sempre vai com tudo para derrotá-lo; por isso, se a pessoa não estiver firmada na Palavra, vendo o invisível e ouvindo o inaudível, o desespero tomará conta dela. Saiba que não basta estar ao lado do homem de Deus; é preciso ser alvo da oração dele.

O pedido feito por Eliseu não era para que o coração do obreiro fosse consolado. O profeta sabia que o moço precisava participar da operação divina, mas, sem ver o que Deus estava fazendo, ele não creria. Eliseu contemplava a obra divina pela fé, pois sabia que o Altíssimo não falharia com ele. Quem tem fé possui os ingredientes da vitória. Depositar a confiança na Palavra do Senhor é mais importante que qualquer sacrifício ou oração.

Uma lição fundamental é confiar no fato de que a pessoa colocada na direção da obra divina deve orar para que seus liderados entendam o agir de Deus. A melhor maneira de entender isso é pela fé. Os que estão em comunhão com o Senhor jamais ficam sobressaltados. As táticas usadas pelo diabo só funcionam quando as pessoas não estão firmadas na Rocha. Aquele que confia não teme nem se acovarda.

Somente o Altíssimo possui poder para atender pedidos. No caso do obreiro de Eliseu, seus olhos tiveram de ser abertos para ver como a luta espiritual se trava. Ora, as batalhas enfrentadas por quem é de Deus jamais serão perdidas. Os sírios tinham a força das armas, e Eliseu, o poder divino. Uma oração fez os soldados inimigos ficarem cegos e serem levados ao rei de Israel. Entenda que o propósito da batalha da fé é glorificar o Senhor.

O servo do profeta ficou boquiaberto quando todo o exército da Síria ficou cego. Isso mostra o que podemos fazer com os demônios que nos atacam. Jesus nos deu o poder de prender e soltar; por isso, não precisamos ficar desesperados com alguma notícia de algo lançado contra nós. Ao usarmos a autoridade em o Nome de Jesus, o adversário perde a capacidade de cumprir as ordens do seu chefe.

Os montes ao nosso derredor sempre estarão cheios do poder celestial. Quem está sob a autoridade dos Céus é envolvido pelo Senhor Deus, que é um fogo consumidor (Hb 12.29); portanto, nunca tenha receio de cumprir a Palavra. O maligno tentará, por todos os meios, tirar você da presença do Altíssimo para concluir seu mau propósito.

Quem serve ao Pai celeste deve ter plena confiança de que Ele é o seu Socorro e, por isso, não deve temer nem fugir das batalhas. As ameaças do inimigo, diretas ou indiretas, jamais prosperarão se você estiver firme no que Deus tem dito. Dentro da Palavra, há o poder necessário para o seu livramento.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Ó Deus, como aprendemos com a Tua Palavra! Se não orarmos pelos nossos auxiliares para que vejam a Tua proteção, eles continuarão sem saber o que tens preparado. Sabemos que sempre guardas os que, de todo o coração, confiam em Ti.

Que todos estejam em Espírito, a fim de que não “durmam” na obra, e, assim, o inimigo tome vantagem. Isso nos mostra que os obreiros ainda não podem ver ou sentir tudo o que se passa; no entanto, com a nossa oração, entenderão por que confiamos em Ti.

Teus cavalos e os carros de fogo serão enviados para nos socorrer. Eles agem hoje como um sistema antimíssil. As armas que Tu nos tens dado são maiores e melhores do que todas que o homem já descobriu. Obrigado por nos guardares!

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração