ongrace.com

> Mensagem de Hoje

15/05/2021 - OS EFEITOS DA MÁ ALIMENTAÇÃO ESPIRITUAL

  • Envie por Email
  • Imprimir
Efraim se apascenta de vento e segue o vento leste; todo o dia multiplica a mentira e a destruição, e fazem aliança com a Assíria, e o azeite se leva ao Egito. Oseias 12.1


No decorrer da História, muitos se submeteram ao diabo e estragaram o plano idealizado por Deus para a humanidade. Não sabemos ao certo, mas até alguém que se converte e, depois, afasta-se do Evangelho leva consigo muita gente para a perdição (Mc 9.42). As pessoas não sabem que isso acarretará um eterno prejuízo para sua alma. Ora, é um absurdo os filhos de Deus ajudarem o diabo na derrubada de irmãos e na perdição dos não salvos!

O Senhor conhece o homem melhor do que ninguém, pois, sendo Deus, é onisciente. Ao falar dos escândalos que ocorreriam na Sua obra, o Salvador Se expressou desta forma: E disse aos discípulos: E disse aos discípulos: É impossível que não venham escândalos, mas ai daquele por quem vierem! (Lc 17.1). Os que assim procedem desconhecem o quanto sofrerão por tamanho dano. Mas por que alguns fazem o que não deveriam?

A separação das dez tribos do reino de Davi foi obra de Deus, pelo fato de Salomão ter pecado. Ele amou inúmeras mulheres e se inclinou aos falsos deuses, mesmo o Senhor dizendo as israelitas que esses ídolos não deveriam ser adorados. Foi a maldade desses cultos que fez o Senhor destruir os moradores de Canaã e dar a terra aos descendentes de Jacó. Jeroboão foi o escolhido para fazer a separação e ser o rei do que ficou conhecido como o Reino de Israel, do Norte ou simplesmente Samaria, que era a capital.

Logo que assumiu o trono, temendo que o povo continuasse indo a Jerusalém adorar a Deus, Jeroboão mostrou desprezo pelo Altíssimo. Ele se vendeu a Satanás, mandando fazer dois bezerros de ouro, e isso ofendeu o Senhor: Pelo que o rei tomou conselho, e fez dois bezerros de ouro, e lhes disse: Muito trabalho vos será o subir a Jerusalém; vês aqui teus deuses, ó Israel, que te fizeram subir da terra do Egito (1 Rs 12.28). Misericórdia!

Esse monarca instituiu sacerdotes dos mais baixos do povo, que não eram dos filhos de Levi (v. 31), desde que o povo levasse algo para oferecer. Essas pessoas nada tinham para dar. Assim, os israelitas seguiram o vento leste descrito no livro de Oseias – o das grandes tempestades que queima as plantinhas quando ainda são tenras. Dessa maneira, o reino de Samaria ficou desamparado pelo Senhor, e os habitantes dessa região agiam como bem lhes parecia. A terra era boa, fértil; por isso, eles prosperaram, mas estavam em pecado.

A cada dia, multiplicava-se a mentira e a destruição. Afinal, sem a proteção divina, o inimigo os fazia agir perversamente, a ponto de cultuarem a Baal, o senhor da promiscuidade. Foi em Samaria que reinaram Acabe e sua mulher Jezabel, os quais fizeram o povo se desviar do caminho da retidão. Deus continuou amando o povo santo, porém todos os seus reis foram maus. O final dos israelitas foi triste: eles foram espalhados pelo mundo.

No desespero, por causa dos reis que investiam contra outros reinos, Acaz buscou a ajuda da Assíria (2 Cr 28.16), país conhecido por vencer e tomar a terra dos demais. Como o coração de Israel não era de Deus, também levava o azeite, a unção do Altíssimo, ao Egito. Quem se afasta do Senhor nem sente que se aproxima do diabo cada vez mais. Vigie!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Deus, verdadeiro Alimento! Definitivamente, temos de ficar perto de Ti para não darmos lugar ao diabo. Quem faz isso toma a melhor decisão, pois estará nas Tuas mãos. Desejamos Te dar nosso melhor sempre!

Concede-nos o genuíno alimento, a Tua Palavra, e não prevaricaremos. Se tivermos só um pouco do Teu Pão, conheceremos a Verdade que nos liberta. Tu és o Dono do nosso coração e da nossa vida. Então, suplicamos pela Tua ajuda e unção. Nós Te amamos!

Queremos nos alimentar do Verbo vivo, que criou todas as coisas e veio ao mundo nos tirar das mãos do inimigo. Vem viver em nós, dirigindo-nos em tudo, para que nunca saiamos do Caminho verdadeiro. Tu és o amado Senhor!

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

Eu e meu marido somos convertidos a 2 anos. Acontece que eu não sinto a menor vontade de fazer amor. Amo meu marido, gosto de beijá-lo, abraça-lo, mas chega nessa hora,...

Está muito claro que tanto você quanto seu esposo precisam sim de ajuda. Não é bom para um filho de Deus ter o comportamento que seu marido tem, pelo que se compreende de...

»VEJA MAIS