ongrace.com

> Mensagem de Hoje

15/01/2016 - PLANO ABERTO

  • Envie por Email
  • Imprimir
Levanta-te, e vai à grande cidade de Nínive, e prega contra ela a pregação que eu te disse.  Jonas 3.2


Existe algo patente na experiência de Jonas: suas diversas descidas. Ele fugiu de Deus e desceu para Jope. Depois, para o porto, comprou a passagem e desceu até o navio. Então, foi para o porão e, no final, para o ventre de um peixe até as profundezas da terra. Toda pessoa que se desvia do plano divino desce demais, pois não há como escapar dEle. Porém, a misericórdia divina guardou Jonas e o fez ser exemplo para aqueles que saem da presença do Senhor.

Quando já estava em terra, liberto do espírito de medo e rebeldia que o fez afastar-se do Eterno Deus, ele recebeu a ordem de cumprir a sua missão. Não adianta desprezar o conselho do Senhor. Quem age assim vê que foi insensatez fazer o seu próprio querer. Em vez disso, poderia ter sido usado de modo glorioso pelo Onipotente. Não se afaste um milímetro sequer do seu chamado.

Ele deveria ir a Nínive, capital da Assíria. Ora, o Altíssimo não o enganou, dizendo que a obra seria pequena e sem perigo. No entanto, aquele profeta sabia que quem obedece a Deus nunca é abandonado. Por mais difícil que seja a tarefa, o Senhor irá à frente para conduzir o Seu servo em segurança, dando-lhe a vitória. O trabalho que Ele nos dá é o melhor para nós.

Os assírios eram bárbaros, e saber disso deve ter sido o maior impedimento para Jonas executar a ordem divina. Quando cogitamos se devemos ou não atender ao mandamento supremo, o demônio entra em ação e nos mostra os perigos, as razões para não irmos a tal empreitada. Desse modo, poderemos tomar decisões tolas. Quem anda com o Pai jamais deve olhar para a esquerda ou direita.

Em perseguição ou em tempos de paz, devemos nos levantar para realizar o que nos foi mandado. De outro modo, prestaremos contas das almas perdidas. Isso é o pior, pois, como repararemos o prejuízo eterno de alguém que, por imaturidade nossa, foi lançado nas trevas exteriores? Aqueles que preferem ficar em lugares confortáveis não provarão o quanto Deus os amou ao enviá-los às missões.

Jonas deveria ser duro na sua pregação, pois precisava falar contra Nínive a respeito da maneira errada como viviam e da perdição que se aproximava. Sem dúvida, isso pesou no seu coração na primeira vez em que ouviu a sublime voz enviando-o para a capital daquele país. Se você já temeu obedecer ao Senhor e, por isso, não fez o que Ele lhe disse, sabe que o preço pago por insubordinação é alto.

Siga sempre o que o Senhor lhe falar em Sua Palavra e, assim, escapará das setas do inimigo. Isso não significa que os que sofreram algum mal ou perderam a vida nos campos missionários desviaram-se dos desígnios do Senhor, e sim que foram escolhidos para outro propósito divino.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Comandante dos exércitos celestiais! Tendo conhecimento do alto preço pago por Jonas, diremos sim ao Teu mandar. Ainda que a nossa carne diga não, a nossa boca dirá que somos servos. Por isso, fazer a Tua vontade é o que nos interessa.

Jonas deveria levantar-se, pois, de outro modo, fugiria de novo. Estamos prontos para fazer o que desejas. Desse modo, nunca responderemos não ao que nos dizes. Ajuda-nos a não fugir da Tua face, pois não queremos desapontá-Lo com as nossas negativas.

A obra pode ser grande, perigosa; porém, se fores à nossa frente, Pai, por que temeremos e não Te seguiremos? Tu nunca nos entregarás à vontade do inimigo. Então, estamos aqui para aceitar Teus propósitos. Sê glorificado em nossa vida!

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

Fiz muitos estudos teológicos e apologéticos e agora parece que não acredito mais na biblia com o coração,como antes,mas sim com a lógica,e isso parece que esta me...

Seus estudos não têm responsabilidade nenhuma por sua situação. O que lhe aconteceu é resultado da falta de zelo de sua parte, ao se debruçar sobre os assuntos divinos. O...

»VEJA MAIS