ongrace.com

> Mensagem de Hoje

10/08/2011 - PREGUIÇA – A DIFERENÇA ENTRE OS FILHOS DE DEUS

  • Envie por Email
  • Imprimir


Ouça a mensagem

A alma do preguiçoso deseja e coisa nenhuma alcança, mas a alma dos diligentes engorda.

Provérbios 13.4

    Pelo versículo acima, somos informados da razão que faz com que muitos irmãos sejam vitoriosos e outros, derrotados. Não deveria haver, mas, infelizmente, há cristãos passando necessidade de tudo. O pior é que eles, pelo modo como vivem, dão péssimo testemunho do Evangelho, o que faz com que muita gente nem queira ouvir a Boa Mensagem. Ora, o nosso testemunho pode levar muita gente para o Reino de Deus.
    A preguiça é uma das mais bem-sucedidas investidas do maligno no meio do povo de Deus. Os que se dão a ela, jamais prosperarão e, assim, não poderão mostrar, pelo seu modo de vida, que Deus é bom. Está mais do que hora de se levantar um povo zeloso de boas obras, o qual pratica realmente a verdade e, por isso, vive longe do pecado, desfrutando da vida abundante trazida por Jesus (Jo 10.10b).
    As oportunidades que surgem para o preguiçoso são iguais às que surgem para os diligentes. O que o diferencia dos que vencem é que ele não gosta de ler a Bíblia, de se consagrar nem de buscar o Deus vivo. Não há um preguiçoso que não se encontre com problemas em todos os setores de sua vida, mas, via de regra, aos seus olhos, apenas ele é certo, e, se não consegue mais, coloca a culpa na vontade de Deus.
    Cristo ensinou que quem busca encontra (Lc 11.9). O contrário também é verdade: quem não busca não encontra. Mesmo que o preguiçoso passe a vida toda pedindo a santificação, ele continuará no pecado, pois o que santifica é a Palavra, a qual ele não busca. A sua oração pode parecer igual à dos mais consagrados servos de Deus, mas a sua recusa de trabalhar nas Escrituras e na oração o mantém nas garras do maligno.
    Somente os diligentes alegrarão o Senhor, pois se esforçam e conseguem provar que vale a pena ser servo do Altíssimo. Para eles, não há problema sem solução; são sempre positivos e destemidos, pois creem no Todo-Poderoso, o qual prometeu jamais deixar ou abandonar os Seus (Hb 13.5). Quem é diligente anda com a divina Palavra na ponta da língua e, ao ser tentado, logo responde com o que diz o Senhor.
    Seremos julgados pelo que fizemos ou deixamos de fazer com o que as Escrituras declaram. Se nos deixarmos levar pela preguiça, não nos esforçaremos para conhecer nossos direitos nem saberemos o que devemos reivindicar, ao sermos atingidos por alguma seta satânica. Então, no Grande Dia, receberemos um duro julgamento.
    Seja operador da vontade divina. Se necessário, gaste um tempo maior na leitura bíblica e na oração. Não deixe de fazer a sua parte para que o milagre ocorra. Lembre-se de que a sua atitude poderá agradar a Deus, ou ao diabo. Faça somente o que agrada ao Senhor. O diligente sempre fará o diabo ficar chateado com a sua maneira de crer.

    Em Cristo, com amor,

    R. R. Soares

 

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

Gostaria de saber se existe diferenças doutrinarias entre a Igreja Internacional da Graça de Deus e a Igreja Universal Do Reino de DEus? Se existem diferenças o Senhor...

Só posso falar da Igreja da Graça, onde ensinamos a pura Palavra de Deus. Acredito que todas as igrejas evangélicas façam o mesmo, variando apenas no "tempero", isto é,...

»VEJA MAIS