ongrace.com

> Mensagem de Hoje

15/04/2010 - QUE SENHOR NÓS TEMOS!

  • Envie por Email
  • Imprimir



“O qual, sendo o resplendor da sua glória, e a expressa imagem da sua pessoa, e sustentando todas as coisas pela palavra do seu poder, havendo feito por si mesmo a purificação dos nossos pecados, assentou-se à destra da Majestade, nas alturas” (Hebreus 1.3).

O nosso Senhor é mais do que podemos pensar. Ele é o Resplendor da glória do Pai, a expressa imagem da pessoa de Deus, o Sustentador de todas as coisas, Aquele que fez a purificação dos nossos pecados e tem todo o poder em Suas mãos. Ele vive em nós!

O mistério de Deus é muito maior do que poderíamos pensar ou entender. Ele é mais do que a nossa mente finita pode compreender. Quando não existia nada material criado, o Pai deu a Sua Palavra, e Jesus – o Filho, o Verbo e Palavra de Deus – criou todas as coisas. Foi o pecado de Adão que trouxe o caos a este mundo, mas, um dia, essa mesma Palavra fará uma fogueira gigantesca, na qual a Terra, os céus e tudo o que neles há será queimado, e Ele criará novos céus e terra (Apocalipse 21.1).

O texto bíblico declara que Jesus é o Resplendor da glória do Pai. Isso significa que, quanto mais aprendermos do Mestre, mais iluminados seremos. Uma pequena olhadela para Ele já nos ilumina. Em Cristo, há luz suficiente para vermos as saídas que Deus tem preparado para os nossos problemas, e é nessa luz que obtemos entendimento. Estando no Senhor, jamais seremos atingidos pelas obras das trevas.

Em Jesus, podemos ver o Pai (João 14.9), pois Ele é exatamente a expressa imagem de Deus. Quando entendemos o Evangelho, temos uma visão de como o Senhor é. Há quem ache que Jesus é a parte boa de Deus, mas isso não é verdade, uma vez que o Todo-Poderoso não tem parte má. Ele é o que Seu Filho é. A visão que recebemos pela Palavra nos mostra como o nosso Pai Se parece, por isso quem A entende vê o Senhor.

Cristo é o Sustentador de todas as coisas e mantém vivos até aqueles que não se dobram diante dEle. Mesmo os que perseguem o Caminho – Jesus e Sua obra – são sustentados por Ele. Um dia, essas pessoas serão condenadas ao suplício eterno, pois deixaram de dar ao Senhor o verdadeiro lugar em suas vidas – e o pior é que muitas delas creditaram a outros “deuses” a autoria das bênçãos que o Altíssimo lhes deu.

Depois de ter morrido na cruz do Calvário, Jesus foi ao Santo dos Santos, nos Céus, e fez a purificação dos nossos pecados. Hoje, se um indivíduo envolvido nos piores erros confessar suas iniquidades e pedir perdão, será prontamente perdoado de todos os seus atos maléficos (1 João 1.9). A purificação das nossas transgressões já foi feita, e não há nada que nos separe do amor de Deus.

Jesus recebeu do Pai todo o poder nos céus e na Terra (Mateus 28.18) depois de ter providenciado a nossa salvação. Agora, o mais importante é que ela viva em todos aqueles que O recebem como Senhor e Salvador. E você, já O aceitou como seu Salvador?

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração