ongrace.com

> Mensagem de Hoje

16/08/2009 - SEMELHANTES A DEUS

  • Envie por Email
  • Imprimir



“Mas aniquilou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens” (Filipenses 2.7).

Que amor foi demonstrado! O Senhor Se humilhou para que fôssemos elevados. Do mesmo modo, devemos assumir a posição de servos semelhantes a Deus e ocupar o nosso lugar.

O prejuízo que a humanidade teve com a queda de Adão foi completo: ela morreu espiritualmente. Com isso, ficamos desligados do Senhor e nos tornamos submissos à autoridade do maligno. Porém, Deus amou o mundo de tal modo, que enviou Seu único Filho para morrer em nosso lugar (João 3.16). Aliás, essa foi a prova maior de que fomos amados sobremaneira, pois o Senhor, sendo amor e perfeito, elaborou um plano a fim de nos resgatar para Si. O preço foi alto, mas Ele o pagou ao nos dar Seu melhor para nos fazer filhos Seus.

Para o Filho de Deus vir ao mundo, Ele teve de Se aniquilar, despindo-Se de Suas prerrogativas divinas. Então, tomou a nossa forma e foi ao Calvário para que pudéssemos ser resgatados do pecado. Só em assumir a forma do homem, a queda já foi grande. Depois, morrendo na cruz a morte mais vergonhosa, Ele Se humilhou ao extremo – e tudo isso para que pudéssemos ser exaltados à condição de filhos do Altíssimo (1 João 3.2)

Ao tomar a forma de servo, apesar de ser Deus como o Pai, Cristo nos deu o exemplo de como devemos fazer. Quem não for servo jamais será senhor da sua vida. Os servos devem ser obedientes em tudo ao seu senhor – e, assim, Jesus procedeu. Por ter obedecido ao plano divino, Ele foi promovido a Senhor dos senhores e Rei dos reis. Hoje, assentado à direita do Pai, tem todo o poder nos céus e na terra.

Jesus era Deus, antes da Sua encarnação, mas Ele Se fez à semelhança dos homens. Nós somos feitos semelhantes a Deus, pela Palavra que nos foi enviada (João 10.35). Hoje, quando a Palavra nos é dirigida e fazemos o que Ela nos orienta, agimos como se fôssemos deuses. Porém, que fique claro: continuamos a ser homens. No momento em que a inspiração vem, a unção nos concede essa prerrogativa de agir como o Altíssimo.

Não deixe o inimigo enganá-lo mais. Ao ocupar seu lugar, você julgará corretamente. Mas, enquanto se considerar um mísero pecador, alguém que não merece nada, continuará com as mãos estendidas e vazias. Pela Graça de Deus, a qual nos faz aceitáveis ao Senhor, temos autoridade tanto para fazer a vontade divina quanto para agir em Nome de Jesus, conforme Cristo agiria Se estivesse em nosso lugar. A Deus pertence o louvor! Só consegue dar a Deus a glória devida a pessoa que se assume como Ele a fez.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

Olá Missionario estou passando por dificuldades em meu casamento, meu esposo esta perdendo o interesse por mim, o que faço? se ele nem me dá oportunidade pra ajudar nosso...

Há muitas razões possíveis para um marido se desinteressar pela esposa. Elas vão desde perturbação maligna até descuido ou desleixo da própria esposa. Há também de se...

»VEJA MAIS