ongrace.com

> Mensagem de Hoje

20/03/2016 - SÓ OS JUSTOS PODEM LOUVAR

  • Envie por Email
  • Imprimir
Regozijai-vos no SENHOR, vós, justos, pois aos retos convém o louvor.   Salmo 33.1


A ordem é regozijar-se – contentar-se, rejubilar-se, satisfazer-se – no Senhor. Ao ser curado, há quem se alegre, abrace parentes e amigos e, em alguns casos, até comemore de modo pecaminoso. No entanto, as pessoas retas fazem mais do que se alegrar, elas se regozijam em Deus. Sem dúvida, depois de ter lhe dado um escape, o Altíssimo deve receber o seu agradecimento por meio de seu prazer nEle e, então, quando houver necessidade, você pode contar com Ele.

Algumas pessoas perdem o brilho por se entristecerem com assuntos banais ou decepções. Assim, mesmo quando Deus as livra de alguma adversidade, jamais se alegram. Ora, parece um paradoxo, mas alegria e tristeza são a mesma coisa, porém opostas entre si. Os retos fazem mais do que se alegrar com a libertação: regozijam-se no Senhor! Examine a sua atitude diante das bênçãos e descubra quem você é.

Aos retos convém o louvor; portanto, quem vive em pecado não tem o louvor aceito. Sendo assim, por que viver em práticas malignas se ela, além de separá-lo de Deus e encobrir o rosto dEle, faz de você um servo do demônio usado para tentar outras pessoas? Não há nada melhor do que estar na presença divina, desfrutando da liberdade dos filhos de Deus. Quando estamos em comunhão com o Pai, nenhum mal nos domina.

Com o louvor, que deve ser dado somente a Deus, você enaltece o que Ele fez em sua vida. Porém, o Senhor não pode realizar nada por quem é comandado pelo maligno. Os retos são atendidos em suas orações, desde que ajam segundo as orientações bíblicas. Por isso, não deixe nenhuma obra pecaminosa encontrar moradia em seu coração e não faça nada que o leve a ficar distante de Deus.

Os retos andam segundo a Palavra, sem se desviar para a esquerda nem para a direita (Dt 28.14). Muitos cristãos não levam a sério a advertência de Jesus, que nos orientou a vigiar e orar (Mt 26.41), por isso nem percebem que a falta de desejo de buscar diariamente a vontade de Deus é uma das armas do inimigo para tirá-los da presença divina. Longe do Senhor, deixam a retidão por não andarem dentro da revelação da Palavra.

Quem não tem juízo permite que as tentações se aninhem em seu interior e, quando louvam a Deus, fazem isso com falsidade, pois o que chamam de louvor, na verdade, causa repugnância nos Céus. Os sinceros de coração são orientados pelo Espírito Santo na maneira e nas palavras que provêm do Senhor. Por isso, são recebidos de bom grado por Quem não suporta sequer o mais leve cheiro de pecado.

O Altíssimo deseja que Seus filhos cumpram os Seus mandamentos, pois, com isso, provarão que O amam e podem ser amados por Ele e por Jesus. No entanto, se agirem de outro modo, não serão ajudados em suas tribulações e tropeçarão. Sendo pessoas íntegras, terão o louvor aceito e serão sempre visitadas pelo Senhor, tendo suas orações respondidas. Enfim, tudo lhes irá bem.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Senhor reto e digno de louvor! Obrigado por nos permitires Te louvar e Te agradecer. Que os irmãos que não vivem em retidão passem a caminhar desse modo para que seus louvores sejam aceitos.

Aprendemos que temos de nos regozijar em Ti e não nas obras que fazes em nosso favor. A partir de agora, praticaremos os Teus ensinamentos e, assim, jamais seremos envergonhados.

Tu és o motivo da nossa alegria e a nossa recompensa. Nós Te amamos e queremos nos rejubilar em Ti, no Teu amor, pois és o nosso Deus, que nos sustenta e nos dá poder para vivermos afastados de todo o mal. Amém!

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

Que Deus o abençoe grandemente. Gostaria de saber porque no AT dava-se tanta importancia aos ossos das pessoas que morriam. Por exemplo: os ossos eram desenterrados e...

Trata-se de um capricho dos patriarcas: ser sepultado na Terra Prometida. Afinal, eles se notabilizaram pela busca da promessa (Hebreus 11 diz que morreram sem ver o...

»VEJA MAIS