ongrace.com

> Mensagem de Hoje

25/08/2009 - TRATAMENTO CELESTIAL

  • Envie por Email
  • Imprimir



“Vós, senhores, fazei o que for de justiça e equidade a vossos servos, sabendo que também tendes um Senhor nos céus” (Colossenses 4.1).

Nós, cristãos, temos a obrigação de observar a própria conduta e reconhecer o senhorio de Jesus, no qual nos devemos espelhar, para que vivamos de acordo com um propósito maior, agradando a Deus.

O Altíssimo respeita as tradições e o que o homem acha ser bom para si, desde que isso não cause prejuízo a si próprio ou a outros. No entanto, o melhor que ele pode fazer é buscar a direção divina por meio da Palavra do Senhor, a qual não veio para nos diminuir, mas para nos promover. Então, quem deseja excelentes mudanças deve pregar e viver o que ensinam as Escrituras.

O apóstolo Paulo foi usado para levar um pouco de luz aos senhores do seu tempo sobre como deveriam tratar seus servos. É evidente que a escravidão não provém de Deus, mas surgiu quando o pecado tirou o homem de sua posição. Então, mesmo vivendo em culturas dominadas pelas trevas, o cristão de hoje deve fazer a diferença. Ao mostrar aos outros o melhor caminho, que é o temor do Senhor, ele os conscientiza de que a opressão deve ser evitada.

Não podemos esquecer que a Igreja de Jesus tem como missão maior livrar o homem da pior escravidão: o reino de Satanás. No entanto, essa luta é espiritual – diferente da do mundo, que usa armas para tentar fazer justiça (2 Coríntios 10.4). Portanto, vivendo a Palavra, fazemos um bem a todos; afinal, Ela aniquila qualquer opressão, que nada mais é do que uma ação direta do diabo.

Podemos aplicar esta palavra ao relacionamento entre empregador e empregado. É evidente que há uma hierarquia, mas os senhores cristãos precisam tratar seus empregados como o Santo Espírito ensina. Quem Se espelha em Jesus oferece, ainda que indiretamente, o melhor tratamento a quem lhe serve. Logo, os empresários que temem o Senhor cuidam dos seus colaboradores da melhor maneira, zelando pela saúde deles e de seus familiares, pagando salários adequados e proporcionando-lhes boas condições de trabalho. Com a luz do Evangelho brilhando mais e mais, o Altíssimo nos leva a tratar o próximo como a nós mesmos e a chegar gradativamente à plena vontade divina.

A nossa obediência ao Pai nos impele a cumprir Sua vontade de modo melhor do que os que não Lhe servem. Ao nos lembrarmos de como o nosso Senhor nos trata, somos levados a fazer o mesmo com os que se assalariam para nos servir, afinal, quem é de Cristo deve sempre praticar a justiça e a equidade com relação a todos aqueles que estão sob suas ordens. Esse gesto, além de agradar a Deus, é um dos melhores meios de pregarmos a Palavra.

Irmãos, verdadeiramente, temos de ser cartas vivas do Senhor para que todos possam conhecer a vontade dEle (2 Coríntios 3.2,3).

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

Missionário: A luz da palavra, o que fazer com um determinado pecado que se pratica muitas vezes, embora se saiba.É uma tentação muito grande e acaba-se caindo várias e...

Você está descrevendo um tipo de pecado que chamamos de obcessivo. Além do arrependimento e perdão, a pessoa precisa de libertação. O caminho é o mesmo de qualquer...

»VEJA MAIS