ongrace.com

> Mensagem de Hoje

21/06/2018 - TRÊS GRUPOS A SEREM EVITADOS

  • Envie por Email
  • Imprimir
Guardai-vos dos cães, guardai-vos dos maus obreiros, guardai-vos da circuncisão!  Filipenses 3.2


Cães são as pessoas realmente más. Elas perderam o temor de Deus e fazem o mal com prazer. Elas já estiveram em nosso meio, mas não se deixaram ser convencidas pelo Espírito. Agora, vivem sem pudor, ignorando o mau exemplo que dão para a nova geração. O que lhes interessa é atingir o alvo que elegeram para si: a autorrealização a qualquer custo.

Na verdade, elas se entregaram ao diabo e têm a astúcia dele em suas decisões. Por isso, não pensarão duas vezes antes de causar males aos outros. Quando julgam necessário, mentem descaradamente. Elas não são gratas a ninguém, nem a quem as ajudou ou salvou a vida delas. A natureza dessas pessoas se corrompeu. Com isso, todo o cuidado em lidar com elas é pouco.

Já os maus obreiros são aqueles que nunca se consagram, porque, por incrível que pareça, não sentem prazer em falar com Deus. Também não desejam deixar o caminho mau nem tem condições de orientar alguém. O deus deles é o ventre; seus apetites sexuais são os mais pervertidos, e eles procuram satisfazer suas maldades a todo instante (Fp 3.19). Não há neles sentimento de companheirismo, pois traem com uma facilidade impressionante.

Eles são conhecidos pelo modo como se vestem e pelas atitudes. São dirigidos pela carne e imitam os pecadores nas suas más decisões. Além disso, estão sempre prontos a emitir julgamento a respeito dos outros, sem se importar com a orientação do Mestre sobre não julgarmos para não sermos julgados (Mt 7.1). Coitados! Caminham para serem reconhecidos como cães.

Esses maus servos desprezam a obra do Senhor e não têm prazer em ajudar na evangelização dos povos, pois pensam: “Se não receberemos nada daqueles que hoje vivem nas trevas, por que nos arriscar no meio deles?”. Eles não conseguem vigiar com Jesus nem por uma hora (Mt 26.40). Não estão dispostos a gastar tempo para falar de Cristo a quem nada terá para lhes dar, mas aproveitam qualquer oportunidade para obter prazer ou ganhar alguma coisa. A escola a que pertencem é a de Geazi (2 Rs 5.20-27)!

A falsa circuncisão é a religiosidade cristã, em que muitos agem como máquinas, sem buscar o Altíssimo de verdade. Por isso, estes se tornam perigosos a quem lhes dá ouvidos. Indivíduos como esses não leem a Bíblia; se o fazem, não meditam nela. Não se importam em verificar se servem ao Altíssimo, pois isso poderia lhes dar trabalho. Mesmo sabendo que estão fracos na fé, querem permanecer assim. Ora, eles desconhecem que caminham para a perdição a passos largos. 

Aceite os conselhos das Escrituras Sagradas, pois elas são endereçadas a nós. Não se comprometa com histórias absurdas, contadas para manter você nas garras das religiões! Por trás delas, está a astúcia de Satanás. Procure acertar-se com o Senhor a fim de fugir da eterna condenação. Peça misericórdia ao Pai! 

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

 

 

Pai, nosso Conselheiro verdadeiro! Não podemos viver como se não houvesse pessoas más, sem o Teu amor, as quais falam de Ti por interesses próprios. A obediência ao que nos ensinas fará de nós aqueles que Tu desejas que sejamos!

Livra-nos dos maliciosos, pois estes têm coragem de imitar os perdidos em seus erros. Livra-nos também dos maus obreiros, que não Te procuram nem Te servem, vivendo como se não houvesse a vida eterna nem o Dia do acerto final!

Não podemos nos igualar nem ter comunhão com a falsa religiosidade, a qual é cheia de mentira e preceitos humanos. Interessa-nos somente o que prescreves aos Teus verdadeiros servos. A nossa comunhão com eles é verdadeira!

> Receba em seu e-mail

 

> Pedido de oração

Pedido de oração

> Missionário Responde

Jesus disse: Ide e pregai o evalhelho a todas as criaturas... Não se referiu ao Velho Testamento. O problema dos sacrifícios de animais não se aplica mais com a morte de...

O que não voga mais do AT é meramente a Lei Cerimonial, justamente a que regulamenta os sacrifícios de animais e responsabilidades dos sacerdotes e levitas. Mas o AT não é...

»VEJA MAIS