22/08/2020 - ELES RECEBERAM A PALAVRA

De sorte que foram batizados os que de bom grado receberam a sua palavra; e, naquele dia, agregaram-se quase três mil almas. 

Atos 2.41

Não basta receber a Palavra, mas recebê-la de bom grado, demonstrando estar satisfeito com o Senhor por ter lhe dado tal oportunidade. A nossa postura diante das coisas de Deus mostra como Ele agirá conosco. Quem tem o privilégio de ouvir a Palavra e entendê-la, mas não faz o que aprendeu ser a vontade do Pai para sua vida, toma a atitude mais triste de todas, pois O desprezou.

As Escrituras avisam sobre as consequências para quem desmerecer o Senhor e afirmar que Ele não existe ou não é o que diz ser: Portanto, diz o SENHOR, Deus de Israel: Na verdade, tinha dito eu que a tua casa e a casa de teu pai andariam diante de mim perpetuamente; porém, agora, diz o SENHOR: Longe de mim tal coisa, porque aos que me honram honrarei, porém os que me desprezam serão envilecidos (1 Sm 2.30).

Deus não está à caça de uma vida por ter alguma necessidade dela, ou outro motivo. O erro de Adão o fez ser expulso da presença divina. Sendo a Santidade das santidades e fogo consumidor (Hb 12.29), o Altíssimo não podia conviver com o homem, porque o fulminaria. Ao providenciar o meio de redimir a humanidade, o Senhor o fez por Sua misericórdia. Agora, quem se recusa a Lhe dar atenção será tornado vil.

Não fazemos o menor favor a Deus por crermos nEle, porque os únicos beneficiados somos nós. Porém, comete uma verdadeira ofensa ao amor de Deus aquele que se acha bom o suficiente e não reconhece o seu estado perdido. Ora, quando a vida dele terminar aqui na Terra, ele não deixará de existir. Então, caso não tenha nascido de novo – a obra na qual Deus regenera o espírito do homem –, ele será enviado ao suplício eterno.

O pessoal de Jerusalém veio com brincadeiras ao verem os apóstolos falando em línguas e profetizando. Mas, quando Pedro pregou o primeiro sermão da Igreja primitiva, todos foram tocados pelo Espírito Santo e, com o coração compungido, perguntaram o que deveriam fazer para serem salvos. Deus os orientou pela Palavra, o meio exclusivo de contato do ser humano com Ele.

O apóstolo apresentou os três passos para a salvação. Então, eles receberam de bom grado a Palavra de Deus e se arrependeram, sendo que três mil deles foram batizados naquele dia. Hoje, a mesma coisa acontece com quem recebe o Evangelho de coração. Porém, aquele que resiste ao Senhor continua no pecado, e o seu futuro será trágico, pois será condenado ao castigo sem fim.

Essa é a única maneira de sermos salvos da perdição. O homem não precisa fazer nada para ir ao Inferno; afinal, já está a caminho de lá. Agora, se quiser ser salvo, tem de nascer de novo, recebendo Jesus como seu Salvador e Senhor. Você já fez isso? Se não, receba de boa vontade a Palavra de Deus.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares