11/11/2020 - O DESEJO DE DEUS PARA OS SALVOS

Querendo o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo.

Efésios 4.12

O plano divino para o homem é maior do que ele imagina. Sendo o Senhor o único e verdadeiro Deus, podemos crer que, mediante o sacrifício de Jesus, Ele há de cumprir o que sobre nós tem programado (Ef 3.20). Na verdade, todos os planos já foram elaborados a nosso respeito. Somente nos Céus, tomaremos conhecimento deles, pois ainda não temos estrutura para receber a totalidade da grandeza divina.

O fato de o Salvador querer o nosso aperfeiçoamento revela que não somos completos, por isso temos de observar a Palavra. O que nos falta nos será concedido se formos diligentes na Sua obra. Nada pode nos separar do amor do Pai: Nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus, nosso Senhor! (Rm 8.39).

O Altíssimo preza pelo ministério que Ele mesmo colocou na Igreja, enviando-nos para dar ao Seu povo as condições de ser aprimorado. Todo membro do corpo ministerial deve usar os dons que lhe foram concedidos, para que a seara do Mestre ocupe o seu lugar diante de Deus e dos homens. Os perdidos precisam ver nos salvos o mesmo que as pessoas viam em Jesus e nos Seus apóstolos.

A cada dia, devemos pensar na missão que Cristo nos deu, fazendo o nosso melhor em consagração, na pregação do Evangelho e na distribuição das bênçãos conquistadas por Ele em nosso favor. Desse modo, a igreja será o local onde os perdidos serão salvos; os perturbados, libertos, e os doentes, sarados. Ela tem de ser chamada Casa de Oração para todos os povos (Is 56.7).

Os salvos devem saber que a Igreja de Cristo não pertence a ninguém nem é lugar para promoção pessoal ou enriquecimento ilícito. É a agência do Reino: Pois também eu te digo que tu és Pedro e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela (Mt 16.18). Deus edifica a Sua Igreja com os dons ministeriais que Ele mesmo colocou nela.

Os remidos necessitam ser aperfeiçoados. Desse modo, servirão a Jesus como é do Seu agrado. Os homens passam, mas a Igreja continuará até o Salvador buscar os que O amam e Lhe obedecem. A edificação que o Senhor faz é pela ação do Santo Espírito em nosso meio, levando-nos a entender a Verdade. Com a Noiva edificada aos pés do Mestre, milhões de pessoas constatarão que a religião não salva, e sim Jesus.

O Senhor almeja o seu aperfeiçoamento, para que a evangelização do mundo se concretize. Pobre de quem se faz responsável pela condenação de qualquer um. Veja o que Jesus declarou aos discípulos: É impossível que não venham escândalos, mas ai daquele por quem vierem! (Lc 17.1) Vigiar e orar são atitudes que fazem bem aos santificados!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares