13/06/2021 - A GRANDE CONVOCAÇÃO

Então, Baraque convocou a Zebulom e a Naftali em Quedes e subiu com dez mil homens após si; e Débora subiu com ele. 

Juízes 4.10

Após terem saído de debaixo das palmeiras de Débora, Baraque enviou mensageiros a Naftali (uma das tribos de Jacó, cujo nome quer dizer A Minha Luta. Era o quinto filho de Jacó e o segundo com Bila, serva de Raquel – a tribo do seu nascimento) e a Zebulom (que significa Moradas. Era o décimo filho de Jacó e o sexto com sua mulher Leia), convocando-as para uma reunião em Quedes (cujo significado é Santuário). Essa cidade foi construída como refúgio para homicidas.

É interessante notar que Débora sabia até o número de israelitas que atenderiam à convocação para a guerra: dez mil homens. Pela ordem divina, eles deveriam subir o monte Tabor. Com isso, o capitão Sísera ficaria sabendo e seria atraído ao ribeiro de Quisom (que quer dizer Sinuoso). O plano de Deus era dar todo o exército de Jabim nas mãos dos israelitas, para que vingassem as aldeias que eram roubadas por Sísera e seus soldados o tempo todo. O Senhor faz justiça! (Sl 146.7).

O disparate de forças era visível. Enquanto Baraque desceria o monte a pé para encontrar Sísera junto ao ribeiro, o capitão cananeu estaria esperando pelo desafiante com todo o seu poderio. Porém, este não sabia que o Senhor entraria em ação e faria o rei de Canaã perder a batalha. Pelo registro bíblico, Israel não perdeu vidas, pois a estratégia incluía a destruição dos carros de ferro do inimigo. Deus é lindo, não é?

Nunca deixe o medo afastá-lo da luta espiritual pelos que não conhecem o que Jesus fez em favor deles. O Altíssimo comandará aqueles que Ele chama para Sua obra de modo brilhante. Não permita que o diabo o faça lutar contra qualquer igreja. Caso o povo salvo seja dividido, a Igreja será aniquilada: Mas, conhecendo ele os seus pensamentos, disse-lhes: Todo reino dividido contra si mesmo será assolado; e a casa dividida contra si mesma cairá (Lc 11.17).

Logo após ter explicado o plano de guerra contra os cananeus, Baraque conseguiu a quantidade exata que Deus revelou a Débora – dez mil homens – e foi para o monte Tabor. Ao ouvir sobre a petulância do filho de Abinoão, Sísera levou o seu exército ao encontro deste. Eram 900 carros de ferro do adversário contra nenhum de Israel, mas foi isso que deu a vitória aos israelitas. O ribeiro de Quisom resolveu inundar aquele território todo.

Os carros de ferro com seus soldados estavam aparelhados; também havia outros homens a cavalo e muitos a pé, perfilhados junto a Quisom, onde nunca deveriam estar. Não houve sinal de chuva, mas, inexplicavelmente, a terra se inclinou um pouco para um lado da posição original, e surgiram as águas do ribeiro sinuoso, que inundou e inutilizou aqueles carros. Como o lugar era cheio de rochas, os cascos dos animais se destroçaram (Jz 5.21,22). Vitória fácil!

Por que não ganhamos mais lutas pela fé? Porque vivemos mais na carne do que no Espírito. Com isso, não sabemos como agir diante de tantas operações do reino diabólico. No entanto, o diabo jamais ganhará alguma batalha contra os salvos, se estes tiverem entendimento (Os 4.6). Somos o povo preparado para ser bem-sucedido sempre em o Nome de Jesus. Creia e seja vencedor!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares