15/09/2021 - NÃO PENSARAM DIREITO

E os seus discípulos disseram-lhe: Donde nos viriam num deserto tantos pães, para saciar tal multidão? 

Mateus 15.33

Muitas vezes, diante de um problema repentino também nos expressamos com dúvidas e, em alguns casos, chegamos a nos apavorar. Por que agimos assim se temos o Operador de maravilhas conosco? Devemos, então, usar a autoridade dada por Ele e fazer vir à luz o necessário em cada situação. Lancemos mão de todo medo, pois temos o Senhor ao nosso lado!

Os discípulos não tinham fé naquele momento, mas aquelas pessoas sim, pois elas estavam há três dias sem se preocupar com o que comeriam. Isso mostra que a lição fora aprendida: Por isso, vos digo: não andeis cuidadosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber; nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o mantimento, e o corpo, mais do que a vestimenta? (Mt 6.25). Creia e viva!

Quando estamos ligados a Deus, entendemos a missão, mas, se estamos fora do Caminho, nem ao menos nos lembramos do que Ele já fez e prometeu. Ora, Deus jamais muda a Sua Palavra, porém o homem é desatento para esse fato simples. A preocupação mostra que não temos aprendido a confiar no Altíssimo, e isso é sério. Afaste a dúvida do seu coração, senão ela o separará do Todo-Poderoso (Tg 1.6,7). Vigie, ore e creia!

O que significava aquele questionamento dos discípulos? Será que tentavam falar com Jesus que Ele era o Responsável por qualquer coisa sucedida a eles, já que o Mestre Se lembrou tarde demais para alertá-los sobre o problema? Negativo! No fundo, eles tinham consciência de que seguiam a Deus e de que Ele sabia como agir na ocasião. Confiar no Senhor nos faz descansar e rir nas crises!

A resposta à pergunta deles viria do próprio Enviado do Céu. Ora, quando Deus fizer você meditar a respeito de algo, não tema, porque Ele sabe como operar, a fim de dar a todos o necessário para viver. Desde que o homem foi criado, ele atravessou diversas crises, e parecia que seria extinto. Jesus declarou: Na verdade vos digo que não passará esta geração sem que todas essas coisas aconteçam (Mc 13.30)

A quantidade de pessoas poderia ter sido milhares de vezes maior do que aquele ajuntamento. E, mesmo assim, dois peixinhos e cinco pães de cevada já tinham sido o bastante para alimentar uma multidão antes (Mt 14.17). Ora, quando você ouvir algo de Deus sobre certa necessidade, é porque Ele já tem um plano para lhe dar o suprimento. A seguir, Jesus ordenou que fizessem todos se assentar e começou a repartir os pães e os peixes. Então, eles comeram até se fartar.

Qual é a sua necessidade? Deixe de se angustiar, pois isso de nada adianta. Parta para cumprir a ordem do Senhor! Se não compreende a resposta divina, ore e leia a Palavra. Certamente, Deus lhe falará usando as Escrituras. Nenhuma oração deixará de ser respondida. O Pai nunca terá falta de poder. Ele é Deus!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares