13/11/2021 - O DIA DA NOSSA LIBERTAÇÃO

Porque eis que aquele dia vem ardendo como forno; todos os soberbos e todos os que cometem impiedade serão como palha; e o dia que está para vir os abrasará, diz o SENHOR dos Exércitos, de sorte que lhes não deixará nem raiz nem ramo. 

Malaquias 4.1

Malaquias profetizou o nascimento de Jesus cerca de 400 anos antes desse dia memorável. Ele foi o último profeta do Antigo Testamento. Nesses quatro séculos, Deus fez silêncio total, só voltando a falar por intermédio do Seu Filho e, depois, pelos registros dos apóstolos (Hb 1.1). Na verdade, os escritos do Novo Testamento estão no Antigo, que, então, foi explicado. Não há o que temer, e sim crer no Senhor. A Bíblia é o Manual do Fabricante que tem onisciência (Hb 4.13).

A presciência divina – o conhecimento antecipado das coisas – fez com que Ele escrevesse na Palavra acerca do que é necessário para nos livrarmos de qualquer obra do Inferno, ou do homem mau que se esforça para dominar a humanidade. As pessoas más não veem limites às suas ações, mas não temos de nos intimidar com elas, porque acima de todos está Aquele que reina. Ele nos informa que tudo aquilo de que precisamos para viver se encontra nas Escrituras (2 Tm 3.16,17). Leia-as e viva!

A revelação do versículo que abre esta meditação fala a respeito dos acontecimentos no mundo espiritual. Era uma informação a Satanás e aos demônios que o tempo da paciência divina estava esgotando (Mc 1.15). Todos precisam aprender a viver da fé; afinal, nela há o necessário para nos livrar das aflições enviadas pelo maligno. Não se deixe enganar pelo mundo nem o ame, porque ele está no maligno (1 Jo 5.19). O nosso lugar é no Reino de Deus. Onde você está?

Os demônios são soberbos e se sentiam os tais, campeando livremente pelo mundo e, aos berros, fazendo todos tremerem diante deles. Porém, eram como palhas incapazes de suportar o fogo trazido por Jesus. Quem nos dominava foi dominado, vencido e está impossibilitado de tocar naqueles que pertencem a Deus (1 Jo 5.18). Essa é a Boa Notícia a ser ministrada a todas as pessoas que ainda não conhecem a Verdade que liberta – Cristo (Jo 8.32; 14.6).

Com o avanço da Igreja, as trevas estão sendo abrasadas pelo Fogo trazido com a vinda do Salvador. Ele mesmo disse: Vim lançar fogo na terra e que mais quero, se já está aceso? (Lc 12.49). Agora, compete a nós mantê-lo aceso e jogar lenha na fogueira, para que aumente cada vez mais. A destruição realizada pelo inimigo em muitas vidas será desfeita com esse Fogo maravilhoso, o nosso Deus, Fogo Consumidor (Hb 12.29). Creia e ore!

Por toda a Terra, aonde o Senhor nos enviar, temos a obrigação de levar o Fogo santo para executar os propósitos divinos, queimando as artimanhas do Inferno e libertando os oprimidos. Não há o que temer nem por que duvidar, e sim seguir firme confiando na Palavra de Deus. A obra do Altíssimo em qualquer pessoa é perfeita; então, sejamos positivos ao anunciar que, em Cristo, há mais do que as pessoas precisam. Certamente, muitos crerão e serão salvos.

Quem garante isso é o Senhor dos Exércitos celestiais. Ele informa que a obra é completa, pois não deixa raízes nem ramos do mal em ninguém. Uma vez que os laços do diabo são desfeitos, somos mais do que vencedores!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares