17/01/2022 - OUTROS CASTIGADOS

Castigarei também, naquele dia, todos aqueles que saltam sobre o umbral, que enchem de violência e engano a casa dos seus senhores.

Sofonias 1.9

O Senhor Deus criou a Terra e a entregou a Adão e seus descendentes: nós. Ela tem um umbral, para entrarmos nela – o nascimento materno. O diabo não podia ingressar em nosso mundo, pois não tem o poder de se tornar uma semente e, como Jesus, nascer aqui e ser um cidadão da Terra. Cristo é um dos nossos, porque nasceu do mesmo modo que nós. 

O maligno foi classificado pelo Salvador e Senhor de todos como ladrão e salteador. O Mestre declarou: Na verdade, na verdade vos digo que aquele que não entra pela porta no curral das ovelhas, mas sobe por outra parte, é ladrão e salteador (Jo 10.1). O umbral também nos impede de manter contato com Satanás, mas alguns o saltam e, sem saber, servem de “porta” para as trevas causarem mal aos incautos.

Quem lida com os espíritos maléficos não sabe o quanto magoa o Senhor. Ora, devemos dirigir orações e adorar somente a Deus (Mt 4.10). Aqueles que saltarem o umbral pelos mais variados motivos serão severamente castigados pela eternidade. Além disso, quem pratica feitiço, ou procura receber alguma coisa por intermédio dos que “trabalham” na invocação de espíritos, também é considerado feiticeiro e provará a segunda morte (Ap 21.8).

Algumas pessoas não veem perigo em ter ídolos em sua propriedade, a quem se refere como lembranças de pessoas que serviram a Deus. Na verdade, elas cultuam os deuses e tentam conseguir bênçãos com o auxílio deles, algo impossível. Nas Escrituras, não há qualquer orientação quanto a fazer petições sequer à própria mãe de Jesus como intercessora. Erradamente, muitos creem que todo filho atende a sua mãe; logo, o Mestre atenderia à Maria.

Sem conhecimento bíblico, nos momentos de adversidade, alguns não se dão ao trabalho de entender qual é a consequência de sacrificarem algo a um ídolo ou a um falso deus. O apóstolo Paulo falou sobre isso: Antes, digo que as coisas que os gentios sacrificam, as sacrificam aos demônios e não a Deus. E não quero que sejais participantes com os demônios (1 Co 10.20). Busque somente o Altíssimo!

Deus adverte sobre o perigo de cultuar ídolos e fazer-lhes algum pedido: Têm mãos, mas não apalpam; têm pés, mas não andam; nem som algum sai da sua garganta. Tornem-se semelhantes a eles os que os fazem e todos os que neles confiam (Sl 115.7,8). Quem desrespeita a orientação bíblica dá acesso ao adversário para ele estar aqui.

De acordo com o versículo estudado, serão castigados aqueles que saltarem a porta do curral das ovelhas. Quem agir desse modo encherá o mundo de violência e engano. Qual é a razão de colocarmos o que não presta dentro de casa, se seremos apenados? Vigie e nunca use o “favor” de quem só faz o mal; do contrário, você será condenado à perdição eterna!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares