21/02/2022 - QUANDO AS FORÇAS NOS FALTAM

Levanta-te, SENHOR; salva-me, Deus meu, pois feriste a todos os meus inimigos nos queixos; quebraste os dentes aos ímpios. 

Salmo 3.7

Tudo o que fazemos pela fé recebe a ajuda do Senhor. Porém, muitas vezes, quando a obra está quase no fim, nós nos sentimos fracos ou desanimados e deixamos a torre por terminar (Lc 14.28-31). Essa foi uma das advertências do Mestre aos Seus discípulos. Não podemos agir movidos pela emoção do momento, e sim ir até o fim naquilo que sabemos ser ordem de Deus (Lc 9.62). Aqueles que andam pela fé sabem que recuar e dizer que não pode fazer mais nada entristece o coração do nosso Pai (Hb 10.39)

Os ímpios e pecadores nos observam o tempo todo, para ver se esse “negócio” de Deus é como falamos, ou se somos como eles, que escondem a verdade sempre. Proferir mentiras é vender-se ao maligno, que é o pai da mentira (Jo 8.44). Não queira ter esse ser malvado como seu pai, mas se entregue nas mãos do Altíssimo e viva igual aos servos dEle do passado. Quem ama a Cristo nunca desonrará Seu Nome!

Com a força do Senhor, os israelitas infligiram derrotas grandes aos seus inimigos, a ponto de creditarem isso como obra de Deus – na verdade, era. Porém, eles creram no que Deus lhes dissera. Agora, ao perceberem que aquilo não poderia ser feito somente por eles, os filhos de Jacó imploraram para o Altíssimo Se levantar e foram atendidos. Igualmente, devemos suplicar para que Deus entre na batalha por nós, e Ele o fará.

Quem viu a Palavra lhe ser revelada só precisa determinar o cumprimento dela (Jo 15.1-8). No entanto, às vezes, quando tudo vai tão bem e pensamos na vitória, há um retrocesso e tudo se mostra pior do que antes. Se isso ocorrer com você, jamais se deixe enganar pelo diabo, mas levante-se e repreenda as ações dele. Não deixe o maligno lhe mostrar algo dele, porque apenas o Senhor mostra a verdade. Rejeite a mentira!

Davi orou pedindo salvação, e é isso que devemos proceder. Caso deixemos as sequelas dos males existirem no corpo, na alma e no espírito, o diabo aproveitará o restinho que ficou da sua nefasta artimanha e nos atacará de novo com mais dor. Portanto, cumpra a sua missão totalmente. O Senhor lhe mostrará maiores obras, se você obedecer às ordens divinas. Deus está preparando você para realizar os mesmos feitos de Jesus (Jo 14.12)!

Cristo deu exemplo disso na ocasião da cura do cego, que, após receber a bênção, ainda não via bem. Então, o Mestre voltou a colocar nele as mãos, e o homem passou a enxergar tudo distintamente (Mc 8.22-25). O Filho de Deus jamais deixará a obra pela metade, mas note que Ele estava sempre orando para entender como agir. Quem vive aos pés do Salvador age como Ele; já quem não tem tempo para se consagrar sente que não possui o poder divino. Vigie!

O salmista reconheceu o seu fracasso por não ter considerado o Senhor como o seu Deus. Mas, agora, ele implora pela finalização da obra, chamando-O de seu Deus. Davi reconheceu o Altíssimo feriu os seus adversários nos queixos, quebrando-lhe os dentes. Isso fez a grande diferença na batalha. Cumpra o que lhe foi ordenado, e Deus executará o resto!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares