27/03/2022 - FORTES PARA A BATALHA

Não haverá entre elas cansado, nem claudicante; ninguém tosquenejará, nem dormirá; não se lhe desatará o cinto dos seus lombos, nem se lhe quebrará a correia dos seus sapatos.

Isaías 5.27

Ao falar do que o exército babilônico faria com Judá, o Senhor avisou que ele não se cansaria ou desistiria de cumprir sua missão. Isso simboliza o que os espíritos torturadores fazem com quem cai em suas mãos. Por isso, se o Altíssimo não libertar essa pessoa, ela jamais se livrará do poder do mal. O povo de Deus deveria dominar e nunca ser dominado; deveria estar por cima e nunca por baixo, sendo humilhado. Infelizmente, isso já aconteceu!

Ao nascermos de novo, a nossa salvação está garantida (Jo 3.3,5). Antes do novo nascimento, temos só a promessa de que seremos redimidos, mas chega o dia em que provamos que, de fato, queremos ser abençoados aqui e na eternidade. Então, a obra se completa. Tendo aceitado Jesus e sido batizados, somos cheios do Santo Espírito (At 2.38). Agora, podemos enfrentar qualquer tentação e sair vitoriosos. Mas fique ligado no que Deus diz na Sua Palavra para continuar de pé!

A orientação bíblica é simples de ser entendida: Aquele, pois, que cuida estar em pé, olhe que não caia (1 Co 10.12). Uma das táticas do diabo é se fazer perdedor para os que não estão firmes na Rocha. Assim, são enganados pelo maligno e passam a se considerar melhores do que aqueles que vigiam e lutam para não pecar. Quando alguém se sente privilegiado, mesmo praticando o proibido, ele chega a pensar que tal ato agrada de Deus. Ore!

Os soldados babilônicos simbolizavam os espíritos malignos, pois não descansavam nem dormiam. Portanto, em todo o tempo, fique ligado com o Senhor. Sem dúvida, chegarão até você tentações parecendo inofensivas. Talvez o seu pensamento seja: “Deus não ficará triste se eu ceder a elas, pois, afinal, outros fizeram isso e não foram repreendidos”. Nessa hora, dê um passo atrás e jamais assuma o que o diabo lhe mostra!

Quem cair em tentação não ficará impune. Se você notar, durante o período de tentação, o Santo Espírito nunca abandona quem é tentado (1 Co 10.13). Não saia das mãos do Senhor, pois Ele impedirá que o inimigo o arrebate: As minhas ovelhas ouvem a minha voz, e eu conheço-as, e elas me seguem; e dou-lhes a vida eterna, e nunca hão de perecer, e ninguém as arrebatará das minhas mãos (Jo 10.27,28).

Quanto aos cintos dos babilônicos, Deus nos lembra que o diabo e seus demônios entram na guerra vestidos para obter a vitória, porém ela é algo que nunca conseguirão. Temos de estar firmes na fé, com os cintos apertados, dando-nos a mobilidade necessária nas lutas. Vá para a batalha e assuma que você está preparado para vencer o adversário, porque o próprio Deus revestiu você para isso! (Ef 6.10-18).

Jesus foi sozinho ao Inferno e venceu Satanás e seus comandados. Da mesma forma você obterá a vitória sobre o mal. A Bíblia dá a seguinte orientação: Melhor é serem dois do que um, porque têm melhor paga do seu trabalho (Ec 4.9). É importante o casal lutar juntos!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares