29/06/2022 - COMO A UMA PROSTITUTA

E eles disseram: Faria, pois, ele a nossa irmã, como a uma prostituta?

Gênesis 34.31

É bonito ver o amor que os filhos de Jacó nutriam por Diná, sua irmã. Quando eles pensaram no vexame a que ela fora submetida, não descansaram até vingar a maldade cometida pelo filho do maioral da terra. Eles se expuseram em uma guerra dura e terrível, com o número bem menor do que os habitantes do lugar. Para isso, tiveram de usar de um ardil, para que todos fossem entregues em suas mãos. Os irmãos de Diná partiram de lá com ela!

Não importa o quanto temos de sofrer em oração pelos nossos familiares, e sim o quanto Deus fará em favor deles. A Palavra do Senhor fala do amor que devemos ter pelos parentes: Mas, se alguém não tem cuidado dos seus e principalmente dos da sua família, negou a fé e é pior do que o infiel (1 Tm 5.8). Certamente, o Pai requererá das nossas mãos o sangue daqueles que se perderam, se não fizermos o possível para salvá-los!

O Senhor não tem netos, mas filhos. As pessoas que se convertem a Cristo são perdoadas e iniciadas no processo do novo nascimento. Após o arrependimento, elas precisam passar pelo batismo nas águas por imersão, para que as suas iniquidades sejam sepultadas, e, em seguida, receber o batismo no Espírito Santo. A partir de então, podem ajudar outros a serem salvos também.

Os irmãos de Diná a libertaram, após acabarem com os homens da cidade, e compararam o ato de Siquém com aquilo que indivíduos maus fazem às prostitutas. A jovem merecia um casamento feliz, no qual se tornaria mãe. Porém, pela ótica do príncipe, Diná tinha se tornado propriedade dele. Ora, pelo que foi feito a ela, o príncipe sofreu a mais dura reprimenda – a morte. Naquele tempo, não havia lei como conhecemos hoje!

Os pais que não procuram saber da vida dos filhos os deixam à mercê da prostituição e, por isso, colherão maus frutos. Afinal, tudo o que for semeado produzirá segundo a sua espécie. Veja, cuidar dos seus é obrigação de cada um. Se estivéssemos no lugar de Diná, gostaríamos de proteção. Quem é consagrado a Deus cuida dos imaturos na fé. Quem for fiel até a morte receberá a coroa da vida (Ap 2.10)!

Não deixe a sua Diná saber como vivem as moças que não conhecem o Senhor, pois será contaminada com as coisas que verá e ouvirá, além de desafiada a dar os primeiros passos no pecado. Misericórdia! Assim o Altíssimo fala a quem se consagra a Ele: Não vos enganeis: as más conversações corrompem os bons costumes (1 Co 15.33). Quem crer será poupado das tristezas. Vigie e ore!

A tragédia sofrida pelos heveus teria sido evitada, se Diná não tivesse ido conhecer como viviam as moças daquela terra. Ela tinha muito a dar e nada a receber das meninas da sua idade. Porém, como não vigiou, o resultado foi o mais triste. Cuide da sua família, e ela lhe dará eterna alegria. Sempre, irmão!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares