07/03/2010 - QUE PREÇO!

QUE PREÇO!

“Porque Peca, filho de Remalias, matou num dia em Judá cento e vinte mil, todos homens belicosos, porquanto deixaram o SENHOR, Deus de seus pais” (2 Crônicas 28.6).

A loucura de Acaz, rei de Judá, em abandonar o Senhor e se entregar à idolatria e à feitiçaria fez o povo de Israel pagar um preço alto demais. Deus, então, entregou-o nas mãos do rei da Síria e de Israel, e, em um só dia, Peca, filho de Remalias, matou 120 mil homens, dos melhores que havia em Judá.

Isso foi escrito para nos fazer a seguinte advertência: quem deixa a Palavra do Senhor e cai no erro, ainda aqui neste mundo, pagará alto por tal ato insano – e, na eternidade, pelos séculos dos séculos, para sempre e sempre, continuará pagando a conta.

Será que o engano, o prazer momentâneo do pecado, a satisfação da carne apodrecida compensam o sofrimento que virá? Não, pois o Altíssimo declara que o salário do pecado é a morte (Romanos 6.23)! Então, meu irmão, se você tem sido tentado a errar, ou se errou e a tentação está mantendo seu viver nessa situação pecaminosa, não é hora de voltar para o Pai celeste e pedir-Lhe perdão?

Desde que aceitei Jesus como meu Salvador, o que ocorreu quando tinha seis anos de idade, eu tenho visto pessoas agirem como loucas. Já tive o desprazer de, por exemplo, conhecer homens de Deus, cheios de capacidade, que faziam tremer o inferno quando ministravam, levando multidões aos pés do Senhor, mas que caíram em pecado. Com tristeza, relato que vi o fim trágico deles. Ora, certamente, o pecado não compensa, afinal, quem se dá a ele, além de atrapalhar o plano divino – pois o Senhor não pode usar quem está em transgressão –, para de agir na razão e contamina a sua saúde. Além disso, sua mente fica confusa, e seus atos passam a ser deploráveis. Até a própria família sofre as consequências, o que nunca deveria acontecer.

É possível, porém, que alguém questione: “O que fez Acaz errar?”. Ora, ele desprezou a Palavra de Deus – o que é a causa de qualquer queda. O pecado que se pratica em não dar a devida atenção às advertências divinas leva as pessoas a caírem – umas em adultério, outras em desonestidade; em algumas, surgem os vícios, o orgulho, o homossexualismo, as mentiras, a falsidade e tanto outros desvios.

Quem foi escolhido pelo Senhor não pode furtar-se de fazer a vontade dEle. Porém, aquele que não cumpre o que Deus tem prescrito como mandamento passa a andar nos caminhos que Satanás criou. Então, meu irmão, não sei qual tem sido a sua conduta, mas, se você não estiver voltado para os preceitos bíblicos, a sua vida não será diferente da de Acaz. Provavelmente, sua família já está sofrendo por isso, e a falta de sucesso em você faz com que o diabo leve todo o seu lar a não ter os olhos abertos para a Verdade. Se não crer de todo o seu coração no Senhor, você e a sua casa perecerão. Ainda que enterre seu talento e, no último dia, dê alguma desculpa, por mais justificável que seja, isso não o livrará da condenação (Mateus 25.14-30). Por outro lado, se crer realmente no Senhor Jesus, você e a sua casa serão salvos (Atos 16.31).

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares