08/10/2010 - CAPACITADOS PARA PARTICIPAR

“Dando graças ao Pai, que nos fez idôneos para participar da herança dos santos na luz” (Colossenses 1.12).

    Bom é sempre dar graças ao Pai, cujo amor demonstrado por nós foi tão grande que não há palavras para descrevê-lo. Esse sentimento divino é assim definido pela Bíblia: Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna (João 3.16).
    Quem não sente necessidade de louvar o Senhor pelo que Ele fez por nós, sem dúvida, não provou da salvação que Ele oferece. O versículo que estamos estudando afirma que Deus nos fez idôneos, capazes, para participarmos da obra de Cristo, a qual inclui tudo aquilo de que precisamos para nos realizarmos na vida espiritual e, também, nesta vida.
    Com a queda de Adão, o homem perdeu a autoridade que lhe fora confiada e o contato com o Criador, tornando-se, assim, escravo das paixões e do pecado. Então, o diabo passou a governá-lo, levando-o a cumprir seus sujos propósitos. No entanto, com o novo nascimento, providenciado para os filhos do Altíssimo, passamos a ser herdeiros de Deus e podemos usufruir de tudo o que o nosso Pai tem para nós (Tito 3.3-7).
    Amigo leitor, temos uma herança a receber, e isso deve ocupar o nosso pensamento. Não é pouca coisa! Deus providenciou tudo para que fôssemos vencedores em todos os sentidos (Romanos 8.37). Não precisamos deixar nada do inimigo nos assaltar, fazendo-nos sofrer. Antes, podemos – e devemos – assumir a autoridade que temos em Nome de Jesus e expulsar da nossa vida tudo o que pertence ao maligno.
    Há um detalhe, entretanto, que não podemos esquecer: a nossa participação na herança divina se dará na Luz, na revelação da Palavra de Deus. Para ser abençoado, basta crer no que a Escritura diz a seu respeito, sem se deixar levar por Satanás a ponto de não usufruir do que foi feito para os salvos.  
    Qualquer declaração que você venha a entender no Evangelho – seja uma repreensão, promessa ou declaração de um fato – diz respeito à sua vida. Então, o mais certo é reivindicar o que a Escritura lhe diz e tomar posse do que lhe pertence. O segredo é depositar sua fé no que a Bíblia ensina, pois quem crer verá a glória de Deus (João 11.40).
    Outro fato importante é que a Boa-Nova, uma vez revelada ao coração de quem crê, automaticamente o liberta das garras malignas. Por ter dado ouvido ao Senhor, essa pessoa passa a ter a “ficha limpa”, não havendo mais condenação para ela (Romanos 8.1). Quem está em Cristo está justificado de seus pecados e torna-se nova criatura (2 Coríntios 5.17). Portanto, seja forte, destemido, e creia no que Deus lhe diz, pois, assim, seus problemas se dissiparão.

    Em Cristo, com amor,
    
    R. R. Soares