13/02/2012 - QUANDO DEUS AGE

E, ao tempo em que começaram com júbilo e louvor, o SENHOR pôs emboscadas contra os filhos de Amom e de Moabe e os das montanhas de Seir, que vieram contra Judá e foram desbaratados.

2 Crônicas 20.22

A crise surgiu e, aparentemente, não havia condição de solucioná-la. O rei Josafá, por conhecer o remédio – a orientação da Palavra –, pôs-se a orar. Diante disso, Deus enviou um de seus profetas, o qual entregou a mensagem ao rei. A resposta do Senhor pode parecer fraca aos olhos do carnal; na verdade, para o homem, ela o é, mas não para Deus. Eles, então, obedeceram ao que o Todo-Poderoso ordenou ao rei, e o resultado foi que o Altíssimo colocou emboscadas para os inimigos.

Existem certas situações que parecem não ter saída, mas isso não é verdade. Quem é guiado pelo Espírito Santo pode buscar o Senhor na Palavra e logo encontra uma porta aberta. Se entrar por ela e crer no que foi dito, tal pessoa verá que Deus a orientou a seguir o melhor caminho. Por isso, não fuja da crise; busque a direção divina.

A atitude de Josafá foi a correta: achegar-se ao Senhor. Porque aquele que pede recebe, garantiu Jesus (Mt 7.8a). É importante saber que a resposta provém de Deus, e não é aquela a qual imaginamos, pois Ele não concede a ninguém a glória do que realizará. Por isso, não tente dizer a Ele o que precisa ser feito, e, quando a solução vier, ainda que você não a entenda, não discuta; cumpra-a.

Deus enviou um de Seus profetas para dar Sua ordem. Ora, o Senhor sempre tem alguém que vive aos Seus pés para ouvi-lO e transmitir o recado divino; por isso, jamais despreze um servo de Deus. Às vezes, o Pai não dá a resposta a um profeta conhecido, mas usa um versículo ao qual ninguém prestou atenção ainda. O importante é que toda palavra que sai da boca do Altíssimo não volta vazia, mas executa a missão determinada por Ele (Is 55.11).

Aquilo que o Senhor mandou que o rei e o povo fizessem podia parecer desprezível aos olhos humanos; no entanto, não o foi (v. 16,17). Que general acreditaria em um plano no qual os soldados ficariam diante do inimigo, louvando o Senhor, sem lutar? Meu irmão, você precisa crer, e nunca duvidar do que o Altíssimo fala ao seu coração. Não importa como Ele cura um paralítico, mas, sim, que Ele cura.

Josafá e o povo obedeceram às ordens do Senhor e, por isso, saíram vitoriosos. No entanto, se não tivessem seguido o plano divino, teriam perdido muitos soldados e, provavelmente, teriam sido derrotados. A exemplo da atitude do povo de Deus no passado, decida seguir as orientações do Altíssimo, e Ele será com você. Deus não fala nada por acaso, mas, sim, com precisão e propósito.

O resultado da obediência foi que o Senhor pôs emboscadas para surpreender os adversários, os quais mataram uns aos outros. Assim acontecerá com os males enviados contra a sua vida. Deus é fiel em cumprir Sua Palavra. Creia nisso e tome posse dessa palavra!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares