14/05/2012 - QUANDO FOR DE TODO O CORAÇÃO

E dar-lhes-ei coração para que me conheçam, porque eu sou o SENHOR; e ser-me-ão por povo, e eu lhes serei por Deus, porque se converterão a mim de todo o seu coração.

Jeremias 24.7

Desde que o homem pecou e, por isso, foi separado de Deus, o Senhor começou a mostrar que Ele não deixaria o ser criado à Sua imagem e semelhança nas mãos do diabo. Ora, a obra de destruição foi além do que Adão poderia ter imaginado, pois o homem morreu para sempre. Porém, vemos nesse versículo que, por intermédio do profeta Jeremias, o Altíssimo nos prometeu um novo coração, pois só com um espírito renovado podemos voltar a ter comunhão com Ele.

Quem não se converte a Jesus não se torna nova pessoa e, por isso, perde muito. É importante que os convertidos meditem nessa declaração, pois ela não foi dada por acaso. A verdade é que Deus deseja que O conheçamos, experimentemos Seu poder, desfrutemos da Sua companhia e nos realizemos nEle.

Desejar conhecer o nosso Pai deve ser a nossa missão maior (Os 6.3). Os que assim fazem vivem em paz. Para eles não importa o ataque do inimigo, pois, com uma simples oração, paralisam a atividade diabólica em sua vida e na de quem pede sua ajuda. Conhecendo o Altíssimo, fazemos valer nossos direitos nEle e sabemos o que Ele pode realizar em nosso favor. Após a salvação, temos de tomar conhecimento dAquele que nos recebeu como filhos e passou a ser o nosso Pai.

Deus quer que O conheçamos como Senhor de todas as coisas, Aquele que pode tudo e executa o que Lhe pedimos. Muitas vezes, Ele faz mais do que pedimos ou pensamos (Ef 3.20). Como bom Pastor, Ele deseja conduzir-nos aos pastos verdejantes, levar-nos para junto das águas tranquilas e refrigerar a nossa alma por amor do Seu Nome (Sl 23.2,3). Aquele que sabe quem o Senhor é não conhece sofrimento.

Ao sermos aceitos como parte do Seu povo, a nossa vida muda por completo, pois somos calçados com autoridade real e recebemos a dignidade de Filho do Senhor do Universo. Roupas limpas e perfeitas nos são colocadas, fazendo com que sejamos agradáveis no Amado. A partir de então, findam-se os sucessos diabólicos contra a nossa vida e começamos a tomar posse das boas obras que já nos foram preparadas.

Ter o Senhor como Deus é ter as portas celestiais sempre abertas, ser respeitado no mundo espiritual e poder contar com o exército divino operando em nosso favor. Não podemos impedir que as tentações, como os pássaros, não voem sobre a nossa cabeça, mas podemos impedir que façam ninhos em nossa vida. Por isso, não temos de nos dobrar diante do mal.

Tudo isso começa com a conversão. Se o seu coração for recriado – feito de novo –, você mudará por completo, tendo os seus pecados perdoados. No entanto, isso só será feito se aceitar Jesus e servir a Ele verdadeiramente.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares