02/11/2013 - CREDENCIAIS DE UM MINISTÉRIO

Os sinais do meu apostolado foram manifestados entre vós, com toda a paciência, por sinais, prodígios e maravilhas.

2 Coríntios 12.12

Toda missão que o Senhor nos dá é importante para o Seu Reino, e, com ela, vem o poder para realizarmos milagres, prodígios e sinais em todos os lugares onde formos enviados. É triste saber que grande parte dos discípulos do Mestre acha que somente alguns poucos privilegiados têm a capacidade de operar como Jesus operou. Mas a verdade é que todos os salvos são autorizados por Ele a imitá-Lo em tudo.

Jesus não fazia nada por Si mesmo (Jo 8.28). Hoje, o Deus imutável (Ml 3.6) jamais deixará de cumprir as Suas promessas. Tudo muda nesta vida, menos o nosso Deus. Quando o cristão crer nas revelações da Palavra, será usado do mesmo modo que os servos do Senhor no passado o foram. Sem dúvida, provocaríamos uma mudança tremenda no mundo se fizéssemos a obra divina como a Bíblia nos ordena.

Fique atento, porque, se você não se lançar a executar o que lhe for mandado, o poder de Deus não se manifestará. Quando o cristão entende a sua missão e, com fé, ordena, em o Nome de Jesus, que o monte saia da sua frente, a doença vá embora, a dor desapareça e os problemas sejam solucionados, o poder divino age para cumprir a sua determinação. Quem crê vê a glória do Deus Onipotente em ação (Jo 11.40).

Nenhum agricultor, no dia seguinte ao plantio, procurará algum fruto, pois sabe que há tempo para a semente germinar, nascer, crescer e frutificar. A menos que seja por uma obra de Deus, não há como existir o fruto esperado sem que se cumpram as fases apropriadas. O mesmo acontece com a divina semente. Ele tem de ser plantada e, ainda que o semeador queira ver o fruto aparecer, só o verá se tiver paciência.

O certo é seguir as instruções descritas na Palavra de Deus e, quando chegar o momento de os frutos aparecerem, eles virão. A lei do plantar e colher tem origem no nosso Deus. Ele garantiu que, enquanto a terra durar, essa lei não deixará de existir (Gn 8.22). Ela vale tanto no plano natural como no espiritual. No entanto, um dos ingredientes necessários é a paciência, como Paulo instruiu. Se essa virtude não estivesse operando nele, seu ministério não teria frutificado.

Deixe o Espírito Santo confirmar a sua chamada pelos sinais que devem seguir sempre a pregação do Evangelho. Todo conselho que você der a alguém e toda oração que fizer em favor de alguma pessoa necessitada serão confirmados por uma ação eficaz do próprio Deus. O Altíssimo declara que Ele mesmo confirma a palavra de quem Lhe serve (Is 44.26a).

Você é especial para o Senhor. Ele tem algo que você precisa fazer, o qual ninguém mais conseguirá realizar. Pela Palavra, Deus lhe dá a capacidade de agir de modo igual a Jesus. A missão confiada a você é única; por isso, não se deixe vencer pelo cansaço, pela preguiça ou pela “manha” do inimigo. Você pode e deve representar o Seu Pai com toda a dignidade.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares