25/01/2014 - TEMOS UM DEUS PERFEITO E BOM

É ele que perdoa todas as tuas iniquidades e sara todas as tuas enfermidades.

Salmo 103.3

O pior mal que uma pessoa pode ter na vida não é um câncer, mas, sim, o pecado, porque a doença, muitas vezes, leva o indivíduo à morte em pouco tempo e, depois disso, não lhe causará mais dano. O pecado, por sua vez, afasta a pessoa de Deus, transformando-a em serva do diabo, o qual a ataca como quiser, inclusive com um câncer. No entanto, terrível coisa se dará depois da morte, quando muitos dizem que a pessoa descansou: se ela não era salva, terá ido para a perdição eterna.

Segundo as Escrituras, o Senhor perdoa todas as iniquidades; porém, é necessário que o indivíduo busque o perdão. Muitos pensam ser suficiente dizer: “Deus, eu pequei, perdoa-me!” e acham que, no momento seguinte, estão livres de seus erros. Na verdade, há ocasiões em que somente isso basta, pois não houve ofensa, roubo, traição para com ninguém. Contudo, quando há casos em que se deve procurar a pessoa que sofreu o dano e pedir-lhe perdão.

Davi entendeu a importância de não se esquecer de nenhum dos benefícios que o Altíssimo estava pronto para lhe conceder, e, de igual modo, isso deve ocorrer conosco. No entanto, para essas bênçãos nos alcançarem, é preciso arrependimento sincero e confissão completa. Quando alguém peca contra outrem, o ofensor fica nas mãos do ofendido. Porém, ao reconhecer sua falha, o pecador realiza uma das obras mais lindas e se livra de toda a condenação.

Ao pecar, o indivíduo passa a ser assediado pelo inimigo para errar cada vez mais, pois a Palavra de Deus diz que um abismo chama outro (Sl 42.7). Por essa razão, aquele que não se arrepende pode ser usado de modo ainda pior. Com isso, o diabo não o deixará em paz. Lembre-se: o objetivo de Satanás é roubar, matar e destruir (Jo 10.10a), e ele fará de tudo para conseguir esse intento.

O Senhor sara todas as enfermidades, e não há situação em que Ele não tenha poder ou que não queira restaurar. Tudo o que for necessário para que a cura e a completa restauração sejam liberadas está nessa promessa. Em muitos casos, orar uma só vez não é o bastante, pois, às vezes, demônios estão envolvidos e, por isso, terão de ser expulsos. Em outras situações, existem pecados ainda não confessados.

Quando Jesus esteve aqui na Terra, Ele não só curou inúmeras pessoas, impondo as mãos sobre algumas, como também expulsou espíritos malignos os quais causavam os males a elas. Não houve um só caso no qual o Mestre tenha fracassado. Por isso, quando a pessoa decide buscar no Senhor a cura, ela pode estar certa de que a alcançará. Contudo, muitas vezes, Deus tem de tratar a alma primeiro.

Não importa o seu problema; Jesus sofreu suas doenças e dores. Por esse motivo, a sua cura está garantida! Não se deixe enganar por nada que lhe falarem, porque Deus já cuidou da sua situação. Agora, é necessário tomar posse da bênção, pois, em pouco tempo, você comprovará que, verdadeiramente, Ele sara todas as enfermidades.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares