26/01/2015 - POSIÇÃO DESEJADA

Folgo mais com o caminho dos teus testemunhos do que com todas as riquezas.  

Salmo 119.14

Todos os feitos do Senhor em sua vida tem como propósito ajudá-lo a atingir a posição que o salmista afirmou ter conseguido. Deus jamais ensinaria algo que lhe causasse algum tipo de prejuízo, pois o Remédio de Deus, Sua Palavra, não produz “efeito colateral” nem tem contraindicação. O que Ele lhe dá vem na medida certa e completa. Se depender dEle, você jamais será malsucedido.

A chave da vitória é crer no que Deus diz e reivindicar Suas promessas. Não basta saber que certa bênção lhe pertence, mas não assumi-la, porque, agindo assim, você nunca a terá. A prova de que você está diante de Deus se observa quando, ao ouvir a Palavra e entender o que Deus proíbe, você deixa de praticar o erro. Muitas vezes, tal proibição causa decepção à pessoa porque ela está “vendida ao inimigo”, não enxergando a razão de determinados procedimentos serem condenados. No entanto, depois, ela reconhece o grande presente que o Pai lhe deu.

Quem anda com o Altíssimo busca Seus mandamentos, pois lhe dão grande prazer. Já aqueles que os cumprem sem inteireza de coração não sabem o dano que fazem a si mesmos, pois isso é como uma desfeita a Deus. Só existe um meio de servir ao Senhor: com alegria! Atendê-Lo de bom grado sempre nos trará galardão. O testemunho do Senhor é a voz dEle dizendo que você deve trilhar o caminho apontado por Ele.

Praticar os mandamentos divinos não é um castigo do Pai de amor, mas um benefício vindo dos Céus. Por isso, ao se colocar na direção mostrada por Deus, você ficará mais forte a cada decisão que tomar e mais feliz com o que a sua fé realizará. Dar atenção ao que o Senhor fala é o máximo de obediência que você pode demostrar a Ele. Com isso, a sua vida começará a mudar e, em pouco tempo, você se surpreenderá com o que conquistou.

Cristão triste é aquele que não aprendeu o caminho dos testemunhos de Deus e, devido a isso, o inimigo o oprime com o espírito da melancolia. Sob a opressão do diabo, mesmo que o ser humano tenha uma família maravilhosa, bons amigos e nada lhe falte, ele não se alegrará. O segredo de ser feliz já lhe foi revelado; agora, é só se realizar por completo! As riquezas nem sempre devem ser bem-vindas, a não ser aquelas que o próprio Deus lhe tenha dado.

Jamais aceite algo que não tenha sido prometido ou abençoado pelo Senhor. Ora, se Ele não lhe dá o que considera importante, deve haver algum motivo sério. Existem vários tipos de riquezas – intelectuais, materiais, mentais etc. –, mas a melhor é a que lhe é entregue debaixo da bênção do Senhor, uma vez que não há acréscimo de dores (Pv 10.22).

Portanto, não exceda seus limites para ficar rico, trabalhando além da conta, nem use algum meio escuso para obter aquilo de que precisa. O Senhor é engrandecido com a prosperidade dos Seus servos (Sl 35.27). Deixe Deus dirigi-lo e, então, verá que Ele sabe trazer a prosperidade, sem condenação. Afinal, Jesus nos trouxe a vida abundante!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares