24/05/2015 - CONSOLADOR EM AÇÃO

E, na noite seguinte, apresentando-se-lhe o Senhor, disse: Paulo, tem ânimo! Porque, como de mim testificaste em Jerusalém, assim importa que testifiques também em Roma.

Atos 23.11

O Senhor está sempre atento ao que se passa em todas as partes do mundo; por isso, devemos nos preocupar com o lugar aonde vamos, com quem falamos e o que fazemos. Pelo fato de Ele nos ter constituído Suas testemunhas, temos de dar o bom testemunho em palavras e atitudes. Não basta apenas não se envolver em pecados; é necessário ter e usar o poder de Deus para libertar os oprimidos e curar os enfermos.

O que Paulo falou de Jesus na cidade do grande Rei agradou a Ele de tal maneira, que, pessoalmente, veio consolar o apóstolo com uma mensagem positiva. Paulo deveria, simplesmente, continuar anunciando a Verdade, levando o povo a entender o plano divino e, ao mesmo tempo, pela fé que lhe fora dada, demonstrando que o Evangelho é o poder de Deus. Assim, ele seria recompensado pelo bem que fazia.

O apóstolo falou sobre aquilo que lhe foi transmitido direta ou indiretamente pelo Senhor, o que, sem dúvida, estava de acordo com a Palavra. Por isso, Deus sabia que podia contar com o testemunho do Seu servo em Roma. Quem cumpre a sua missão, sem aumentar ou tirar algo, recebe mais. A nossa  chamada cresce à medida que somos fiéis.

Temos executado às ordens de Deus e, desse modo, agradado a Ele? É bom verificar isso, porque, sem dúvida, o Altíssimo quer nos acrescentar mais. Quem decide onde ministrar, o que e quando falar  descobre que as inspirações cessaram e Deus encontrou outros fiéis e, por isso, está usando-os. Não se deixe levar por nenhum rompante, mas seja servo.

Quando o homem pode esperar que o próprio Deus fale com ele? Quando ele provar que O ama. Agora, se desprezar os santos mandamentos, cairá nas garras do inimigo e, então, nada mais terá sentido em sua vida. Por mais que se esforce, ore ou jejue, notará que suas palavras não passam do teto da sua casa. Seja fiel no pouco; assim, Deus lhe dará mais.

Espere grandes coisas do Senhor Todo-Poderoso, porque, sendo amor, Ele não deixa os Seus na incerteza. Ele tem muito mais para lhe conceder do que você imagina; por isso, não seja tímido no pedir e no crer. Deus declara que aqueles que confiam nEle devem abrir bem a boca, pois Ele a encherá. Por que ser limitado em pedir, se o Senhor garante que é ilimitado em dar? 

É necessário falar de Cristo aonde quer que Ele nos envia. Isso será proveitoso, e a recompensa, maior. Na verdade, Jesus disse que será de 30, 60 e 100 vezes. Faça o que Ele pedir e receba o que Ele prometeu.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares