21/05/2017 - RAZÕES PARA LOUVAR O NOME DE JESUS

Bom é render graças ao SENHOR e cantar louvores ao teu nome, ó Altíssimo.

Salmo 92.1

Se a Bíblia diz que é bom louvar a Deus, podemos crer nisso e fazer exatamente como ela orienta. Desse modo, comprovaremos que toda palavra enviada pelo Senhor é para o nosso bem. Deixar de atender ao Altíssimo é como declarar que não cremos nEle. Isso é o cúmulo da insensatez! Ora, o nosso Pai nos formou (Gn 2.7), então sabe o que é melhor para nós.

Ao louvar o Senhor, o homem abre a porta do coração para o Espírito Santo visitá-lo e cumprir nele a obra necessária, a fim de torná-lo vencedor. Enquanto enaltecemos o Altíssimo, o nosso espírito recebe aquilo de que precisamos para enfrentarmos e vencermos as forças do mal. Quem não louva fica vazio de poder e, então, não consegue derrotar o demônio que o afronta.

Entoando cânticos a Deus, a pessoa também ganha coragem de confessar seus pecados, pedindo e aceitando o perdão. Esse ato é um dos mais importantes a serem praticados por alguém, pois, com ele, a porta para as tentações, a qual se mostra grande, é fechada. Até ao vigiar para não entrar no engano, o cristão precisa louvar a Deus. Assim, ele fica atento, fortalecido, e é usado pelo Senhor.

Quando canta louvores ao Nome de Jesus, você adquire uma capacidade celestial de vigilância contra as artimanhas malignas. Na mesma proporção, é presenteado com uma força que fará da sua vida uma fortaleza. Essa segurança não só impressionará as demais pessoas, mas a você também. Os adoradores do Senhor deixam atrás de si um rastro de realizações de boas obras. Procure exaltar o Nome que é sobre todo nome (Fp 2.9).

Fortalecido pelo Onipotente, você possui a capacidade de anunciar a benignidade dEle em toda a sua extensão. Assim, tendo sido abençoado, você entra em uma fase espiritual que o transformará em campeão. Portanto, engrandeça o Senhor por tudo o que Ele tem feito em seu favor e pelas demais pessoas. Estando na presença dEle, você se torna o que Ele planejou.

Ao terminar o dia, tendo recebido as boas notícias, nada o impedirá de anunciar que Deus é fiel verdadeiramente. Quando um salvo deixa de bendizer o Senhor pela manhã, ele não tem como anunciar a benignidade divina e, pela noite, também não poderá proclamar a fidelidade do Altíssimo (Sl 92.2). O resultado disso serão derrotas, amarguras e desapontamentos.  

Siga a orientação do Santo Espírito, pois, sem dúvida, a sua vida melhorará muito. Jamais se guie pelos ociosos espirituais, eles não se importam com o porvir e, ao serem visitados pelo mal, ainda culpam o Soberano Deus. Você pode mudar a sua história a partir deste momento, prometendo ao Todo-Poderoso que realizará o que Ele diz. Faça isso e descubra o bem.

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares